294 vagas de nível médio saem até junho

Para os concurseiros interessados na área de Segurança Pública, o Departamento Penitenciário Nacional (Depen) teve concurso autorizado pelo Ministério da Economia. O novo edital está previsto para sair até o mês de junho deste ano com a oferta de 294 vagas para agente federal de execução penal, cargo de nível médio com ganhos de R$ 4.120,28.

A quantia é composta por vencimento básico de R$ 2.953,48, ainda por Gratificação de Desempenho de Atividade de Assistência Especializada do Departamento Penitenciário Nacional do Ministério da Justiça (GDAPEN), no valor de R$ 708,80 e R$ 458,00 de auxílio-alimentação.

Vale ressaltar que para provimento no cargo de agente federal é necessário ter Carteira Nacional de Habilitação (CNH) na categoria B ou superior. Os aprovados serão contratados em regime estatutário, que garante a estabilidade empregatícia dos aprovados no concurso.

O certame já tem banca definida e será conduzido pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe). Importante destacar que a autorização do concurso também traz 15 vagas para especialista federal em assistência à execução penal, neste caso a carreira exige nível superior.

Edital publicado até 30 em junho

O edital do concurso está previsto para sair em junho, até dia 30. Somando as vagas de agente e especialista serão 309 vagas ofertadas no total. Os aprovados no concurso poderão ser lotados em uma das penitenciárias federais, as lotações ainda serão confirmadas, sendo que o Depen possui unidades em:

  • Campo Grande (MS);
  • Catanduvas (PR);
  • Mossoró (RN);
  • Brasília (DF); e
  • Porto Velho (RO).

Se prepare para as provas

Os concurseiros interessados podem se preparar para as provas do próximo concurso Depen por meio do exames aplicados em 2015, pela mesma banca atual, o Cebraspe. Na época, os candidatos foram avaliados por meio de prova objetiva composta por 120 questões.

O conteúdo das avaliações foi distribuído entre 50 questões de Conhecimentos Básicos, 30 de Conhecimentos Específicos e mais 40 de Conhecimentos Complementares. Veja os conteúdos cobrados por cargo:

Agente Penitenciário

  • Língua Portuguesa
  • Atualidades
  • Noções de Ética no Serviço Público
  • Noções de Direitos Humanos e Participação Social
  • Matérias Específicas

Técnicos e especialistas

  • Língua Portuguesa
  • Atualidades
  • Noções de Ética no Serviço Público
  • Noções de Direitos Humanos e Participação Social
  • Conhecimentos Complementares para os cargos

Os candidatos as vagas de especialista tiveram ainda que preparar uma redação dissertativa com tema formulado pela banca examinadora. As outras fases da seleção constaram de avaliações de aptidão física:

  • Testes barra fixa (teste masculino);
  • Teste estático de barra fixa (teste feminino);
  • impulsão horizontal e corrida de 12 minutos (para o cargo de agente penitenciário); e
  • Teste de corrida de 12 minutos (para técnicos e especialistas).

Para mais informações sobre o último concurso, acesse:

Veja também: Concurso PM: Edital abre 2.000 vagas de nível médio! Até R$ 4.263,67


Fonte: Edital Concursos Brasil

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: