fbpx

5 alimentos que controlam os sintomas da ansiedade

Ansiedade: 5 alimentos que ajudam a controlar os sintomas

Foto: Shutterstock / Sport Life

A pandemia, que vivemos há mais de um ano no Brasil, tornou as pessoas mais aflitas. O isolamento social se tornou obrigatório e fez com que os níveis de ansiedade aumentassem em todo o planeta.

Aceleração dos batimentos cardíacos, inquietação, tremores, falta de ar, medos são alguns dos sintomas de quem está sofrendo com ansiedade. No entanto, o que ingerimos pode aliviar isso. “Acrescentar alguns alimentos na dieta pode ajudar no controle do transtorno, principalmente quando damos preferência àqueles ricos em probióticos, triptofano, magnésio, ômega-3, e vitamina C. Esses nutrientes ajudam a regular a flora intestinal e aumentam a produção de serotonina, hormônio conhecido por ser o responsável pela nossa felicidade”, conta a nutricionista da Dietbox, Bettina Del Pino.

A especialista fez uma lista contando sobre esses 5 alimentos que ajudam combater a ansiedade. Confira!

1) Probióticos

Podem ser encontrados em alguns iogurtes, leite fermentado, alguns queijos e kombucha. Eles favorecem a saúde intestinal, melhorando a absorção de nutrientes.

2) Triptofano

O triptofano é um aminoácido essencial e, por não ser produzido pelo nosso organismo, precisa ser obtido pelos alimentos. Comer ovos, leite e derivados, peixes, oleaginosas, cereais integrais, banana e cacau é importante para obtê-lo e aliviar a ansiedade.

3) Magnésio

O Magnésio participa no processo que converte o triptofano em serotonina. Pode ser encontrado em alimentos como carnes, peixes, vegetais verdes escuros, leite, cacau, cereais e oleaginosas.

4) Ômega 3

Ele é um tipo de gordura benéfica para o nosso organismo e possui a capacidade de atenuar as respostas inflamatórias que causam ansiedade, por meio da redução da produção de citocinas. Segundo a profissional, o Ômega 3 está presente em alguns peixes como sardinha, atum, salmão, e em alimentos como linhaça e chia.

5) Vitamina C

Essa vitamina possui propriedades antioxidantes que combatem o estresse oxidativo. Mais popular na laranja, a vitamina C também está presente em frutas como tangerina, goiaba, acerola, e limão e algumas hortaliças como brócolis e pimentão.

Bettina Del Pino alerta que a dieta, apesar de amenizar os sintomas da ansiedade, não deve substituir o acompanhamento psicológico, e sim complementá-lo. É recomendável consultar um psiquiatra caso os sintomas persistam.

Fonte: Terra

Deixe uma resposta

Jornais Virtuais