fbpx

50% das pessoas que vivem nas periferias sentem medo da polícia – Brasil

Divulgação/ONG Viva Rio

Pessoas que moram nas comunidades são as maiores vítimas da violência policial

50% das pessoas que vivem nas periferias do Brasil dizem sentir medo da polícia. Esse número cai drasticamente nas classes mais altas (23%). A afirmação “a polícia é perigosa para pessoas como eu” é aceita por 54% dos negros, enquanto para os brancos, o número cai para 17%. Os números são da pesquisa “Periferia, racismo e violência”, do Datafavela.

O estudo é uma parceria da Central Única das Favelas com o Instituto Locomotiva, que ouviu 1.826 pessoas entre os dias 29 e 30 de junho. A pesquisa ainda mostrou que apenas 5% dos brasileiros, em geral, acham que a polícia não é racista.

O estudo também mostra que 4, em cada 10 brasileiros periféricos, já foram vítimas de violência policial (seja desrespeito, agressão verbal, agressão física ou extorsão). Os homens negros de baixa renda continuam mais expostos às abordagens desse tipo do que os brancos nas mesmas condições.

Dentre os tipos de agresão que mais traumatizam os negros, a violência física está no topo. 69% passaram a ter medo de cruzar com barreiras policiais e delegaciais ou ver PM’s perto de casa.

Fonte: Google News

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!