fbpx

Arrependido? Kanye West chora na frente de Kim e dos filhos

O Mercedes Benz Stadium, em Atlanta, foi palco de um momento emocionante na quinta-feira, dia 22 de julho. Kanye West lançou seu novo álbum e chorou copiosamente. Em um camarote VIP estava sua ex-mulher, Kim Kardashian, os filhos do ex-casal North, de oito anos, e de Saint, de cinco, além da ex-cunhada Khloe. Amigos famosos como A$AP Ferg, Shaquille O’Neal, CeeLo Green, Big Boi e Jadakiss

Todo de vermelho, com o rosto coberto por uma máscara transparente, o rapper lançou “Donda”, 10º álbum do artista de 44 anos, e é o primeiro desde ‘Jesus is King’, vencedor do Grammy em 2019, durante uma apresentação ao vivo para a Apple Music.O álbum, que tem a participação de Jay-Z na faixa  “Guess Who’s Going to Jail Tonight?”, presta uma homenagem à mãe do rapper, que morreu em 2007 após um procedimento estético malsucedido.

O artista, aplaudido de pé, apresentou a música “Love Uncondittionaly”, que, ao que tudo indica é dedicada ao seu casamento fracassado com Kim Kardashian. A letra, cujo título é referência à legenda de uma foto que Kim publicou no dia dos pais em homenagem ao rapper, fez Kanye desabar. A música ainda traz a voz da falecida mãe do rapper, Donda, e diz, repetidas vezes a frase que o fez chorar como criança, ajoelhado no chão.

“Não importa o que você faça, nunca abandone sua família”.

Veja + : Kanye West não estava feliz e quis o divórcio

Kim e Kanye se separaram em fevereiro, após oito anos de casamento. Assim como já fez em eventos anteriores, Kanye West não fez uma apresentação ao vivo da canção em parceria com Jay-Z, que não estava no local, mas ficou caminhando pelo estádio enquanto a música era tocada. Nos trechos cantados pelo marido de Beyoncé, West permaneceu com as mãos erguidas.

A apresentação do álbum “Donda” teve também um cunho social.  Kanye West doou 5.000 ingressos para estudantes da região de Atlanta, enquanto alguns outros fãs pagaram algumas centenas de dólares pelos lugares, como informou o Showbiz 411.

APOIO À ATLETA BANIDA DA NBA

Na quarta-feira, 21 de julho, Kanye West liberou trechos de 60 segundos de “No Child Left Behind”, revelada em uma propaganda durante a final da NBA.

O vídeo tem participação da velocista norte-americana Sha’Carri Richardson, que foi cortada dos Jogos Olímpicos em abril deste ano, após o exame antidoping testar positivo para THC, substância psicoativa presente na maconha.

Após o teste a atleta teve seu tempo invalidado nas seletivas norte-americanas e não foi convocada pelos Estados Unidos para correr a prova a qual era uma das favoritas.

Ao ser dispensada da Olimpíada Sha’Carri Richardson revelou que usou maconha para conseguir lidar com a morte da mãe biológica.

Assista abaixo o comercial no qual Richardson aparece em uma pista à noite com a música de fundo.

DE VOLTA ÀS AS REDES SOCIAIS

Para marcar o lançamento de seu novo trabalho, Kanye West reativou seu perfil no Instagram e iniciou a retomada prestando uma homenagem aos filhos. Vale destacar que em junho o rapper deixou de seguir a ex-muher e os filhos nas redes sociais.

O primeiro post compartilhado traz uma série de fotografias onde ele aparece usando colares com os nomes de seus quatro filhos, frutos do casamento com Kim Kardashian,  North, Saint, Chicago e Psalm.

Segundo informações do Page Six, o artista não economizou no look para seu post inaugural. Ele aparece combinando as joias com calças de couro da Saint Laurent (U$ 2.690 – R$ 13.900 ), um casaco Bottega Veneta (U$ 1.750 dólares – R$ 9 mil), óculos de sol Rick Owens (U$ 710 dólares – R$ 3.600), botas Bottega Veneta (U$ 1.150 – R$ 5.900 1.000 euros) e meias Nike.

CORAÇÕES PARTIDOS

Recentemente Kim Kardashian admitiu que completar 40 anos a fez examinar sua vida e perceber que não estava feliz com o fato de ela e Kanye West levarem vidas separadas, já que ela ainda morava na Califórnia, enquanto ele morava em seu rancho em Wyoming.

“Nunca pensei que estivesse sozinha e sempre achei que estava tudo bem, posso apenas ter meus filhos, meu marido se muda de um estado para outro e estou nessa jornada com ele e eu estava bem com isso. E então, depois de fazer 40 anos este ano, percebi: não, eu não quero um marido que vive em um estado completamente diferente do meu. Eu pensei, ‘meu Deus, é quando estamos nos dando melhor’. Mas isso é triste para mim e não é o que eu quero”, comentou.

Kim Kardashian, que chorou dia desses ao comentar o fim do seu casamento, deve documentar seu divórcio de US$ 2,3 bilhões (R$ 11 bilhões) de Kanye West, não em apenas um, mas em duas séries de reality show na nova plataforma Hulu.

NOVO AMOR?

Kanye West virou alvo de rumores sobre uma nova paixão, mas apesar de não ter confirmado nada – e nem negado -, ele parece ter feito um comeback amoroso com a modelo Irina Shayk, a protagonista dos tais boatos. De acordo com o portal Page Six, tudo começou em 2010, quando a beldade participou do clipe da canção “Power“.

Ao site, uma fonte do mercado fonográfico contou que o atual affair “é casual no momento, mas estão curtindo um ao outro”. Porém, “Kanye e Irina tiveram um breve romance antes de Kim. Ele foi atrás dela há um bom tempo”.

Além disso, o rapper citou Irina na canção “Christian Dior Flow“, também de 2010, no trecho “I wanna see Irina Shayk next to Doutzen”, que traduzido significa “Eu quero ver Irina Shayk ao lado de Doutzen [Kroes]”. Entretanto, a modelo russa, na época assumiu romance com Cristiano Ronaldo, o que confirmaria um affair bem curto com Kanye.

Dois anos depois, West assumiu o seu relacionamento com Kim Kardashian. O casamento durou até o ano passado. Por sua vez, Irina se separou de Cristiano Ronaldo. Em 2015, ela engatou um romance com Bradley Cooper, pouco depois do ator terminar com a modelo Suki Waterhouse. O casal teve uma filha, Lea De Seine, mas o fim do namoro chegou em 2019, amigavelmente.

Veja +: Kim Kardashian deve tirar o sobrenome West de sua marca

Veja +: Kim Kardashian chora ao falar se sua separação de Kanye West

Fonte: O Fuxico

Deixe uma resposta

Jornais Virtuais