fbpx

Astrid Fontenelle revela caso de racismo contra o filho






Astrid Fontenelle usou suas redes sociais, nesta quinta-feira (29), para revelar um episódio de racismo sofrido por Gabriel, seu filho, na Bahia. A jornalista contou que o jovem, de 13 anos, foi confundido com um funcionário do hotel em que estavam por uma turista.

CONFIRA MAIS: Veja Juju Oliveira antes do silicone industrial no rosto

Descubra por onde andam os apresentadores que sumiram da TV

“Pediu um colchonete para ele. Mandei ela buscar no quiosque. Ela ficou com cara de espanto, do tipo: ‘Como?’. Na testa escrito: ‘Mas ele não trabalha aqui?’”, relatou a apresentadora.

E acrescentou: “Sim, na cabeça dessa certamente basta ser preto para ser o serviçal. E aí está o racismo estrutural que gente como a tal senhora não quer entender”.

Astrid também contou que foi acusada de estar fazendo uma cena. “Me disse que ‘era coisa da minha cabeça’. Falou que eu estava dando show porque era artista.”

Mesmo assim, a jornalista deixou claro: “Nada disso. Sou uma mulher bem informada que, além de não ser racista, sou antirracista! Esse é meu compromisso. Com meu filho e com qualquer outra pessoa preta”.

Fontenelle ainda revelou que o herdeiro ficou bastante triste com o episódio. “No final, [a hóspede] pediu desculpas pra ele. E eu ofereci um presente: o livro que estou lendo: ‘Escravidão’, do Laurentino Gomes. Ela não aceitou”, relatou.



<!– EXCLUDE temp tag FM_DI_G.F.E.1_09

–>





Fonte: Famosidades

Deixe uma resposta

Jornais Virtuais