fbpx

Atores brancos de ‘Os Simpsons’ e ‘Family Guy’ deixarão de dublar personagens de outras etnias

Anúncios realizados na última sexta-feira, 26, descrevem grandes mudanças no uso de atores brancos para interpretar personagens de outras etnias em duas das mais proeminentes e longevas séries televisivas da FOX, as comédias Os Simpsons e Family Guy.

Mike Henry, um dublador branco de Family Guy, comentou em um tuíte que ele não interpretaria mais Cleveland Brown, um personagem negro que apareceu pela primeira vez na série em 1999.

“Foi uma honra interpretar Cleveland em Family Guy por 20 anos”, escreveu Henry. “Eu amo esse personagem, mas pessoas não-brancas devem interpretar pessoas não-brancas. Portanto, estou deixando o papel.”

Os anúncios surgem em meio a reflexões sobre o racismo sistêmico na mídia e no entretenimento, na sequência de diversos assassinatos policiais de negros americanos.

Apu ao lado de Homer Simpson

Foto: Reprodução de cena de ‘Os Simpsons’ / Fox / Estadão

Os Simpsons, série que estreiou em 1989, vinha sendo cada vez mais criticada nos últimos anos pela representação do personagem Apu, um imigrante indiano interpretado por um ator branco, Hank Azaria.

No início deste ano, Azaria comentou que não interpretaria mais Apu, tendo percebido que o personagem perpetuava estereótipos ofensivos a espectadores de origem indiana.

Em entrevista ao The New York Times em fevereiro, Azaria disse: “depois que percebi como esse personagem era pensado, eu simplesmente não quis mais participar disso. Não me parecia certo.”

Os Simpsons tem outros personagens coadjuvantes negros cujas dublagens são feitas por atores brancos, incluindo o colega de trabalho de Homer, Carl Carlson (interpretado por Azaria), e o médico da família Simpson, Dr. Hibbert (interpretado por Harry Shearer). Ainda não está claro como esses personagens serão tratados daqui para a frente.

O elenco de Family Guy também inclui outros personagens que não são brancos mas que são interpretados por atores brancos, como Tricia Takanawa, uma repórter de TV japonesa-americana interpretada por Alex Borstein. O programa não indicou de imediato o que aconteceria com esses personagens e a assessoria não respondeu a um pedido de comentário até a noite de sexta-feira, 26.

Veja também:

K-pop: como os fãs de música sul-coreana influenciaram a política

Estadão

  • separator

Fonte: Terra

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!