Autonomia do BC pode ser votada na Câmara no primeiro trimestre, confirma Maia

Os projetos de autonomia formal do Banco Central e de modernização da legislação cambial estão prontos para serem votados e podem ser apreciados na Câmara dos Deputados ainda no primeiro trimestre, afirmou o presidente da Casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, comanda sessão de votação no plenário da Câmara 07/07/2019 REUTERS/Adriano Machado

Foto: Reuters

“Nós vamos construir a partir do início de fevereiro essas pautas, os projetos e as maiorias para que a gente possa aprovar esses projetos o mais rápido possível, acho que já estão mais do que prontos para ir a voto, falta apenas a organização do dia da votação”, disse.

Falando a jornalistas após reunião com o presidente do BC, Roberto Campos Neto, na residência oficial da Câmara, Maia pontuou que precisava conversar com os líderes antes de cravar uma expectativa mais precisa para o calendário legislativo.

Ao ser questionado se era factível imaginar uma aprovação ainda nos primeiros três meses do ano, conforme expectativa já externada pelo próprio Campos Neto, Maia disse que sim.

“Tem só que organizar, concentrar esforços para poder cumprir essa agenda”, afirmou ele.

Reuters
Reuters – Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.

  • separator

Fonte: PORTAL TERRA – NOTÍCIAS

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: