fbpx

Bilheteria do Allianz Parque é pichada; Mattos e Galiotte são alvos

A desclassificação da Copa Libertadores da América 2019 somada a contundente derrota para o Flamengo no Brasileirão ainda repercutem no Palmeiras. Na madrugada desta quarta-feira, muros da bilheteria do Allianz Parque foram pichados. Os principais alvos das mensagens eram o presidente Maurício Galiotte e o diretor de futebol Alexandre Mattos.

As frases ‘presidente omisso’, ‘time de pipoqueiro’ e ‘fora Mattos’ foram rapidamente apagas da faixada das bilheterias. Mesmo sendo um nome que chega pressionado para comandar a equipe no lugar de Felipão, o nome de Mano Menezes não foi citado no ato de vandalismo.

Bilherterias do Allianz Parque são pichadas com mensagens contra o presidente Maurício Galiotte e o diretor de futebol Alexandre Mattos

Foto: Reprodução / Estadão

Há seis dias, representantes da torcida organizada Mancha Alviverde tiveram uma reunião na Academia de Futebol. No encontro, membros da agremiação conversaram com Alexandre Mattos e pediram a saída dele do cargo.

Na saída do encontro, o presidente da torcida organizada, André Guerra, revelou o que disse para o dirigente: “A gente pede a demissão dele. Ele confessou para a gente que errou, então alguma coisa tem que acontecer, tem de ter alguma mudança.”

Preocupado com possíveis manifestações raivosas da torcida, o Palmeiras aumentou os cuidados em seu centro de treinamento. O clube trouxe mais seguranças para cuidar das entradas do local e pediu para a Polícia Militar fazer plantão na porta durante os próximos dias. O clube também não divulgou a agenda da semana e vetou a entrada dos jornalistas para acompanhar as atividades.

Estadão

  • separator

Fonte: TERRA

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!