fbpx

Bolsonaro é quem “deveria estar preso”, diz Boulos

Em local onde sem-terra foram mortos, Bolsonaro disse que quem tinha que estar preso era “o pessoal do MST, gente canalha e vagabunda”

Por
Estadão Conteúdo

access_time

14 jul 2018, 17h25

São Paulo – O pré-candidato à Presidência da República pelo PSOL, Guilherme Boulos, afirmou, na sua conta oficial no Twitter, que o também presidenciável e deputado federal Jair Bolsonaro (PSL) deveria estar preso por apologia à violência depois da defesa a policiais presos pela morte de trabalhadores rurais sem-terra em Eldorado dos Carajás (PA), em abril de 1996.

“Preso deveria estar Bolsonaro por apologia à violência, em declarações como essa e outras. Irresponsável e criminoso”, disse Boulos, que foi líder do Movimento dos Trabalhadores sem Teto (MTST).

No local onde os sem-terra foram mortos, Bolsonaro disse que quem tinha que estar preso era “o pessoal do MST, gente canalha e vagabunda” e completou que os policiais “reagiram para não morrer”.

http://platform.twitter.com/widgets.js(function(d){var id=”facebook-jssdk”;if(!d.getElementById(id)){var js=d.createElement(“script”),ref=d.getElementsByTagName(“script”)[0];js.id=id,js.async=true,js.src=”https://connect.facebook.net/pt_BR/all.js”,ref.parentNode.insertBefore(js,ref)}})(document)

Fonte: Exame

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!