fbpx

Caetano, Chico e petistas históricos divulgam manifesto em apoio a Boulos

Figuras historicamente ligadas ao PT assinaram um manifesto em apoio à pré-candidatura de Guilherme Boulos e Luiza Erundina, pelo PSOL, à Prefeitura de São Paulo. Subscrevem a carta artistas como Caetano Veloso, Chico Buarque e José de Abreu, além de intelectuais e escritores como Marilena Chauí, Luís Fernando Veríssimo, Fernando Moraes e Frei Betto. Também declarou apoio à chapa a cineasta Petra Costa, diretora de Democracia em Vertigem, documentário sobre o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff que disputou o Oscar deste ano.

“Temos o desafio de derrotar o projeto autoritário de Bolsonaro e o projeto elitista dos tucanos”, informa o manifesto divulgado na tarde desta quinta-feira, 6, pela equipe da pré-campanha. Professores universitários como Vladmir Safatle estão entre os apoiadores. Nomes do meio artístico influentes nas redes sociais, como a apresentadora Astrid Fontenelle, também formalizaram o apoio a Boulos e Erundina.

A carta defende que o governo de Luiza Erundina, que foi prefeita de São Paulo pelo PT entre 1989 e 1992, foi um marco histórico na capital e concretizou a ideia de sociedade democrática. “São Paulo precisa de Boulos e Erundina. O Brasil precisa deles”, finaliza o manifesto.

A chapa do PSOL é considerada no meio político como um óbice ao protagonismo do PT na esquerda nas eleições municipais em São Paulo. O pré-candidato pelo PT no município é Jilmar Tatto, que foi secretário de transportes durante a gestão de Fernando Haddad, nome avaliado como de baixa expressão eleitoral. Ele ficou em sétimo lugar na corrida ao Senado, em 2018.

Veja também:

“Eu pensei: ‘Vou morrer?'”: a noiva surpreendida durante ensaio pela explosão no Líbano

  • separator

Fonte: Terra

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!