fbpx

Carteira de Crédito da Massa Falida do Banco Cruzeiro do Sul vai a leilão

A compra de carteiras de crédito por bancos ou fundos de investimento, negociada diretamente entre as partes, é uma estratégia bastante usada para avançar no segmento, melhorar o perfil de crédito ou incorporar na operação ativos mais rentáveis.

Se a compra for realizada em um leilão, os ganhos são potencializados pela possibilidade de descontos maiores na aquisição da carteira. É uma oportunidade como esta que será ofertada ao mercado em novembro, com o leilão de uma carteira de crédito avaliada em R$ 76 milhões.

Os ativos que serão leiloados, em evento realizado pela Mega Leilões, pertencem à massa falida do Banco Cruzeiro do Sul. O banco, que teve sua falência decretada em agosto de 2015, atuava no mercado de Middle market, com crédito voltado às empresas de médio porte.

A instituição está realizando o leilão dos seus ativos como parte do pagamento de dívidas.

“A compra de uma carteira de crédito é sempre uma boa oportunidade de negócio para instituições financeiras e fundos de investimentos. Em um leilão ela se torna ainda mais atrativa, pois é possível adquirir uma carteira com contratos de empréstimos, realizados com empresas que possuem boa capacidade de crédito, por um valor abaixo do avaliado”, explica o leiloeiro oficial da Mega Leilões, Fernando Cerello.

Potencial de rentabilidade

Trata-se de uma oportunidade para bancos e fundos de investimento que buscam ativos que podem ter ótima rentabilidade. Embora a carteira de crédito do Cruzeiro do Sul seja avaliada em R$ 76 milhões, o valor do lance inicial foi definido em R$ 37.967.568,00 na primeira etapa do leilão. Se não houver interessados nesta etapa, há outras duas fases, o segundo e o terceiro leilões, que podem partir de valores ainda menores.

Sob responsabilidade da Mega Leilões, empresa especializada em leilões judiciais e extrajudiciais, o leilão da carteira de crédito do Cruzeiro do Sul receberá lances eletrônicos, a partir do dia 3 de novembro, ou presenciais (viva voz) no encerramento marcado para o dia 10.

A Mega Leilões disponibiliza aos interessados um Data Room com as informações dos contratos de Middle Market do banco. Conforme consta do edital que define as condições do leilão, serão aceitas propostas para pagamento à vista ou parcelado, com a primeira opção prevalecendo como critério para definir o vencedor do leilão.

Importante: A publicação acima é um conteúdo patrocinado, sendo que a Infostocks Informações e Sistemas Ltda. (“InfoMoney”) não tem qualquer responsabilidade pelo conteúdo e informações disponibilizadas, não dá nenhuma segurança ou garantia, seja de forma expressa ou implícita, sobre a integridade, confiabilidade ou exatidão dessas informações, não se responsabiliza por decisões de investimentos que venham a ser tomadas com base nas informações divulgadas e se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a decorrer da utilização deste material ou seu conteúdo. O autor ou empresa responsável pelo conteúdo estão indicados na própria publicação.

Fonte: Infomoney

Deixe uma resposta

Jornais Virtuais