Casos de dengue crescem 560% no Brasil em 2019

Nesta segunda-feira (24), o Ministério da Saúde confirmou 596,38 mil casos de dengue até o dia 10 de junho deste ano. Além disso, foram registrados 1,127 milhão de casos prováveis, ou seja, que ainda não foram confirmados. Com relação ao ano anterior houve um aumento de 560% nos casos prováveis, quando foram apontados 170.628 casos.

Foto: Reprodução/Shutterstock

Foto: Getty Images / Minha Vida

O número de mortes por dengue mais que dobrou em 2019, foram registradas 366 mortes até o momento. Em 2018, o Ministério da Saúde havia confirmado 139 mortes.

“Observa-se aumento da taxa de letalidade no grupo de faixa etária acima de 60 anos, o que corresponde a 51,3 % (188) do total de óbitos do país”, informaram.

De acordo com o boletim epidemiológico, neste ano a maior incidência de dengue tem sido nas regiões Sudeste e Centro-Oeste. O estado de Minas Gerais lidera o ranking, com 1.084 casos a cada 100 mil habitantes, seguido por Goiás (1.230 casos/100 mil habitantes) e Mato Grosso do Sul (1.164 casos/100 mil habitantes).

Chikungunya e zika

O Ministério da Saúde informou também que foram registrados 64,83 mil casos prováveis de chikungunya até o dia 10 de junho de 2019. Neste mesmo período, houve 15 mortes confirmadas.

Além disso, foram registrados 6,53 mil casos prováveis de zika em 2019. Em 2018, o ministério havia confirmado 5,09 mil casos. Não há mortes confirmadas por zika.

Como se proteger do mosquito Aedes aegypti?

A melhor maneira de combater as doenças é impedir a reprodução do mosquito. Por isso, o Minha Vida conversou com especialistas para saber as melhores formas de proteção. Confira a seguir:

1. Evite o acúmulo de água  

2. Use repelente  
3. Coloque areia nos vasos de plantas  
4. Limpe as calhas

Veja outras outras estratégias para evitar a proliferação do mosquito e o aumento das doenças!

Minha Vida

  • separator

Fonte: PORTAL TERRA – VIDA E ESTILO

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: