CEO do Twitter tem sua conta hackeada e faz com que o microblog tenha um de seus recursos bloqueado – Notas – Glamurama

Jack Dorsey // Divulgação

O Twitter suspendeu temporariamente a capacidade de twittar via mensagens de texto, dias após a conta do próprio CEO da plataforma, Jack Dorsey, ter sido hackeada por causa de uma aparente vulnerabilidade desse recurso.

“Estamos dando esse passo por causa das vulnerabilidades que precisam ser resolvidas pelas operadoras de telefonia móvel”, afirmou o Twitter em uma série de tweets sobre a decisão. Na última sexta-feira, a conta de Dorsey twittou uma série de mensagens racistas e ofensivas por cerca de 20 minutos. Rapidamente perceberam que alguém havia invadido a conta.

Os tweets parecem ter sido enviados não por meio de invasão da conta real de Dorsey, mas por hackers convencendo os sistemas do Twitter de que eles tinham seu telefone e estavam enviando os tweets para sua conta. É provável que o invasor nem precisasse da senha de Dorsey. O fato chamou a atenção quando Jack começou a twittar rapidamente uma série de conteúdos ofensivos e incoerentes. Entre os tweets, a conta de @ jack compartilhou insultos raciais, gritou com várias pessoas, e frases como “Hitler é inocente, siga @ taytaylov3r se quiser que todos os judeus sejam gaseados”.

“O número de telefone associado à conta foi comprometido devido a uma supervisão de segurança por parte da operadora”, afirmou o Twitter em comunicado. “Isso permitiu que uma pessoa não autorizada escrevesse e enviasse tweets por mensagem de texto a partir do número de telefone. Esse problema está resolvido.”

Mas nessa quarta-feira, a atriz Chloe Moretz passou pelo mesmo problema. O Twitter avisou que reativará em breve o tweet via mensagem de texto “em mercados que dependem de SMS para comunicação, enquanto trabalhamos em nossa estratégia de longo prazo para esse recurso”.

(function(d, s, id) {
var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0];
if (d.getElementById(id)) return;
js = d.createElement(s); js.id = id;
js.src = “http://connect.facebook.net/pt_BR/sdk.js#xfbml=1&version=v2.4&appId=1409357522615229”;
fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs);
}(document, ‘script’, ‘facebook-jssdk’));

Fonte: Glamurama

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: