Christin Chávez diz que quase perdeu tudo quando assumiu que é gay


O ex-RBD Christian Chávez revelou em uma nova entrevista que quando teve que revelar ao mundo que era gay, quase perdeu tudo em sua carreira.

O ator e cantor afirmou que as portas da emissora Televisa, onde protagonizou a novela Rebelde e se juntou ao famoso grupo pop, foram fechadas para ele e também em outras empresas, devido à sua orientação sexual.

Chávez recordou, segundo a emissora Telemundo, que há 12 anos atrás estava à beira do fim de sua carreira:

“Eles me disseram na Televisa: ‘Sua carreira de ator aqui acabou. Você não vai conseguir interpretar um protagonista aqui porque as pessoas não vão acreditar em você, porque as pessoas não querem isso, porque as marcas não querem isso, porque as marcas não querem se envolver nisso’.”, relembrou.

Quanto à música, Chávez revelou que também nas rádios, ele foi menosprezado por conta da revelação: “Vários diretores de rádio disseram: ‘nós não apoiamos a música homossexual, nem pagando’.”.

E reflexionou depois de tantos anos se esforçando para conseguir trabalho após assumir sua homossexualidade:

“A liberdade tem seu preço em todos os lugares, e acho que é um preço que vale a pena pagar porque isso você não compra com nada, mas tem que saber quais são as conseqüências. A liberdade é um direito do ser humano, e vale a pena pagar o que você tem que pagar”.

 


Fonte: PORTAL O FUXICO

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: