fbpx

“Coloquei uma bicicleta de spinning na frente da minha cama” – Notas – Glamurama

Luciana Gimenez na quarentena // Reprodução Instagram

Apesar de estar indo para a Rede TV! gravar seu programa, Luciana Gimenez tem cumprido a quarentena direitinho em seu apartamento, em São Paulo, acompanhada dos filhos Lucas Jagger e Lorenzo. Nesse período a apresentadora, que costumava praticar pilates, musculação e yoga, teve que mudar totalmente sua rotina de beleza, assim como a maioria das pessoas no isolamento. “Antes fazia musculação, pilates e yoga… mas nesses meses não tenho feito nada (rs). Tô fazendo bicicleta, tentando me manter ativa assim. Tive que fazer várias adaptações. Não sou boa em ter disciplina sozinha. Por isso coloquei uma bicicleta de spinning na frente da minha cama, pra me sentir culpada quando não pedalo. Quando exagero na comida à noite, que é meu pecado, pulo pra ela de manhã cedo.” Para piorar, ela ainda teve que encarar uma cirurgia para resolver um problema no ombro, o que a deixou impossibilitada de malhar e até de trabalhar. “Machuquei o braço então não estou podendo malhar ombro há seis meses. Estou sentindo falta daquela definição maravilhosa dos músculos, mas resiliência e paciência são palavras que estamos usando bastante ultimamente.”

Além das gravações do Superpop e Luciana by Night, sem platéia e com todos os cuidados, que fique claro, Luciana tem se arriscado no Tik Tok, participado de lives e até lançou uma linha de produtos para salvar os cabelos na quarentena, o Kit SOS by Luciana Gimenez. Apesar de sempre magérrima, confessa que ganhou uns quilinhos nesse período: “Era regrada com a alimentação, mas ando muito ansiosa… comecei a comer mais de madrugada. Ganhei alguns quilos e agora estou tentando recuperar o shape normal. O que me tira do sério é carboidrato – pão, massa, chocolate, bolo, bolacha, tudo de noite, infelizmente”, confessa ela, mas não sofre com isso: “Tenho 1,81m. Quando comecei a quarentena estava com 64 quilos, em algum momento, pulei pra 67, espero voltar para 62 que é o meu peso bom, mas não tive coragem de me pesar ainda”, brinca, sem grandes dramas “Corpo perfeito é o meu. Se pego firme no treino, sem nenhum machucado ou algo que me impeça de exercitar certinho, fico com o corpo MARA . Minha meta sou eu mesma.”

 


Fonte: Glamurama

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!