fbpx

Como tornar o tempo seu melhor aliado na preparação para concursos

Há quem diga que o tempo é o ativo mais valioso de um ser humano. Estamos cada vez mais “sem tempo” – essa é uma frase a qual permeia a vida de uma quantidade enorme de pessoas, e, com concurseiros, não é diferente.

Não se trata de algo novo ou que não recebe a devida atenção; pelo contrário, a gestão de tempo é pauta nos mais diversos meios, seja o acadêmico, empresarial ou pessoal. Há cursos, livros, workshops e uma série de pessoas cuja promessa é nos ensinar como gerir essa área de nossa vida.

De fato, temos no mercado, materiais cujo propósito é nos ajudar a gerir nosso tempo e direcionar esforços para a realização dos nossos objetivos de forma mais célere. Ao mesmo tempo, afirmo que as “fórmulas mágicas” não funcionam da mesma forma para todos, afinal, cada um tem a sua particularidade.

Nós precisamos de tempo para tudo o que fazemos, desde as coisas mais simples até as mais complexas. Precisamos dele para nossas famílias, amigos, lazer, trabalho, estudo, saúde, etc.

Pensando nisso, escrevi esse artigo, não como professora, mas como concurseira; retomei momentos nos quais me preparava para os concursos, busquei na memória técnicas de controle de tempo que utilizei e adequei-as para o nosso atual momento. Assim, surgiram as cinco dicas essenciais para a gestão de tempo de um concurseiro:

  1. Planejamento

Planejar é atribuir uma ordem lógica de acontecimentos cujo propósito é nos levar na direção de determinado objetivo. Esse planejamento deverá ser estruturado numa sequência de execução de atividades.

Quando falamos em planejamento, é essencial utilizarmos instrumentos capazes de organizar as ideias, seja o papel ou, nessa era altamente tecnológica, os aplicativos e softwares que podem nos ajudar no processo.

Mesmo em se tratando de uma preparação para concursos, é importante sabermos subdividir o nosso processo de planejar, para clarear nossas ideias. Aqui podemos utilizar a divisão clássica do planejamento:

  • Estratégico;
  • Gerencial/Tático;
  • Operacional

No âmbito estratégico, é importante definir objetivos de longo prazo. Lembrando que essa é uma adaptação do planejamento da estratégia para a realidade do concurseiro – este não precisa de uma temporalidade tão extensa, como no planejamento empresarial.

No planejamento de estratégia, definimos o objetivo macro e traçamos cada linha que poderá nos ajudar ou nos afastar desse objetivo. Aqui temos um ponto importante: nesse momento, precisamos identificar todos os fatores que podem nos aproximar ou nos distanciar do nosso alvo principal, qual seja, a aprovação.

Vamos fazer um exercício inicial?

Numa folha de papel ou num documento no Word, coloque o seu objetivo de forma clara e com um tempo definido (ex.: ser aprovado em um concurso na área de Enfermagem até dezembro de 2021 ou ser aprovado no próximo concurso da EBSERH).

Em seguida, elenque as ações que você poderá tomar a partir de agora para facilitar a sua caminhada na direção da sua aprovação. Do lado esquerdo do documento, coloque também as dificuldades passíveis de serem enfrentadas no processo a longo prazo.

Identifique todas as facilidades e também as dificuldades, seja o tempo com a família, os entraves para conseguir material, a dificuldade de concentração, a falta de grana, a dificuldade em gerir o tempo, a capacidade de memorização, enfim, tudo mesmo…

Passamos agora para o nosso planejamento gerencial, ou seja, como vamos gerir nossos esforços para colocar em prática o nosso planejamento estratégico. Nesse nível, vamos estabelecer metas a médio prazo a fim de que possamos eliminar nossas dificuldades e vislumbrar de forma mais clara os nossos objetivos.

Voltando ao nosso exercício, em cada dificuldade elencada, sinalize uma forma possível de contorná-la.

Finalmente chegamos ao momento de operacionalizar o nosso planejamento. Agora, temos de colocar as mãos, os pés e todos os pensamentos para trabalhar em nosso favor e diariamente nos colocar cada vez mais próximos ao nosso objetivo.

Trazendo para a praticidade: elabore um plano diário de atividades, colocando cada minuto do seu dia, desde o acordar até o momento de dormir. Nesse plano, liste cada atividade, por mais simples e menos significante que ela possa parecer.

Lembre-se sempre de que um planejamento é integrado, e os momentos estratégicos, gerenciais e operacionais devem “conversar” a todo momento, ou seja, devem fazer parte de um todo.

  1. Graduar a importância das atividades

Tudo aquilo que fazemos em uma hora, em um dia, em um mês e em todos os nossos momentos, de alguma forma, vai nos aproximar ou nos afastar dos nossos objetivos e, na grande maioria das vezes, a decisão é nossa. Nós temos tempo, mas, ao contrário do afirmado na maravilhosa música, para estudar para concursos, não temos todo o tempo do mundo.

Nosso tempo é limitado e, muitas vezes, pré-definido quando o edital é lançado e ainda não começamos a estudar ou não estudamos tanto quanto deveríamos. Nesse sentido, nada mais sensato que graduar a importância das atividades e ter cada vez mais claro o que realmente é importante para você, dentro do seu planejamento de vida e de carreira.

  1. Hábito

O planejamento bem estruturado é um excelente aliado na preparação para concursos, mas não adianta ter um planejamento com tudo organizado, todas as metas definidas, as atividades descritas, o tempo cronometrado, e isso não sair do papel.

Não adianta somente planejar e pagar por um ano de academia, mas não frequentá-la nem por um mês. É um exemplo descontraído e, ao mesmo tempo, muito real. Se você planejou, não adianta seguir o plano à risca por um dia e, no outro, achar que pode flexibilizar. É preciso disciplina até criar o hábito de seguir o planejado.

  1. Foco

Você sabe dizer não para coisas que parecem maravilhosas e irrecusáveis?

Acredito que, nesse tópico, precisaria apenas de uma reflexão a partir desse questionamento. Eu sei: é mais difícil de responder isso que uma pergunta da banca CEBRASPE, mas é extremamente importante que você se questione a esse respeito.

Ao longo de uma jornada rumo ao sucesso, seja em curto, médio ou longo prazo, as distrações sempre surgirão e você precisa estar pronto para responder não a elas e priorizar o seu objetivo maior: a sua aprovação.

  1. Persistência

Você está disposto a começar e somente parar quando seu objetivo for alcançado? Se a sua resposta for sim, seja bem-vindo (a) ao clube dos aprovados!

Isso mesmo!

Quero que você entenda: o importante é ter um objetivo, um planejamento, prioridades, foco e, acima de tudo, persistir até vencer toda e qualquer barreira.

Se quiser alguém que possa trilhar esse caminho, não por você, mas ao seu lado e com você, conta com a gente e vem conhecer nosso time de GRAN XPERTS!

 

Natale Souza
Servidora da Prefeitura de Salvador/BA, pesquisadora da FioCruz e coach do Gran Cursos Online

(function() {
var _fbq = window._fbq || (window._fbq = []);
if (!_fbq.loaded) {
var fbds = document.createElement(‘script’);
fbds.async = true;
fbds.src = “https://connect.facebook.net/en_US/fbds.js”;
var s = document.getElementsByTagName(‘script’)[0];
s.parentNode.insertBefore(fbds, s);
_fbq.loaded = true;
}
_fbq.push([‘addPixelId’, ‘1459353050962300’]);
})();
window._fbq = window._fbq || [];
window._fbq.push([‘track’, ‘PixelInitialized’, {}]);

Fonte: Google News

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!