Concurso Crea-MG: Conselho confirma edital na segunda-feira, 5

O edital do concurso Crea-MG já tem data para ser publicado. A Assessoria de Imprensa do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Minas Gerais confirmou à FOLHA DIRIGIDA que o edital será divulgado no Diário Oficial de segunda-feira, 5 de agosto. 

A oferta será para cargos de nível superior com salários de até R$9 mil. As inscrições serão aceitas pelo site do Instituto Universal de Desenvolvimento Universal (Iuds), contratado como banca organizadora. Para completar o cadastro, será preciso quitar a taxa de R$90. 

A reportagem teve acesso ao projeto básico do concurso Crea-MG que apresenta dados importantes, como as carreiras e estrutura de provas. De acordo com o documento, a seleção terá oportunidades para o cargo de fiscal de nível superior.

O pré-requisito será ter graduação em Engenharia e registro no Conselho da área. Os aprovados poderão ser lotados em todo o Estado de Minas Gerais. A carreira proporciona ganhos iniciais de R$9.039,40 (salário base de R$8.483 mais gratificação de função no valor de R$556,40).

Candidatos do concurso Crea-MG serão avaliadas por provas de 
Conhecimentos Gerais e Específicos (Foto: Divulgação)

 

O concurso ainda terá chances para profissionais de nível superior em diferentes áreas de atuação. Nesse caso, será preciso ter graduação na especialidade que se candidatar. A remuneração será de R$8.483

As oportunidades imediatas serão nas áreas Civil e Geologia e Minas. Haverá ainda oportunidades para cadastro de reserva nas áreas de Agronomia, Elétrica, Engenharia Química, Mecânica e Metalurgia, Agrimensura e Segurança do Trabalho.

Os aprovados nessa última condição poderão ser convocados durante o prazo de validade da seleção, de dois anos, com possibilidade de prorrogação por igual período. 

+ Como estudar para concurso público sem edital?
+ E-book: 10 dicas para passar em concursos públicos

Concurso Crea-MG terá provas objetivas e discursivas

Todos os candidatos do concurso Crea-MG serão avaliados por provas objetivas e discursivas, de caráter eliminatório e classificatório. Os exames, segundo o projeto básico, contarão com 50 questões de múltipla escolha mais uma redação.

Tais perguntas estarão distribuídas entre as disciplinas de:

  • Língua Portuguesa;
  • Noções de Direito Administrativo;
  • Noções de Informática;
  • Raciocínio Lógico;
  • Legislação e Conhecimentos Específicos.

O Crea-MG ainda não confirmou a data de aplicação dos exames objetivos. Será habilitado quem obtiver, no mínimo, 60% de acertos em cada conteúdo.

Os preparativos do concurso foram iniciados no final do primeiro semestre. O aviso da licitação para escolha da banca, por exemplo, foi divulgado no início de junho. A abertura das propostas aconteceu às 9h do dia 1º de julho.

O Iuds foi o vencedor do pregão eletrônico. Ele será o responsável por aplicar as etapas de seleção e receber as inscrições em seu site. 

Saiba como fazer um planejamento de estudo para concursos: 

window.fbAsyncInit = function() {
FB.init({
appId : ‘180736722358672’,
xfbml : true,
version : ‘v2.8’
});
FB.AppEvents.logPageView();
};

(function(d, s, id){
var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0];
if (d.getElementById(id)) {return;}
js = d.createElement(s); js.id = id;
js.src = “http://connect.facebook.net/en_US/sdk.js”;
fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs);
}(document, ‘script’, ‘facebook-jssdk’));

Fonte: Google News

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: