fbpx

Concurso PC DF: dá para começar agora? Especialista comenta mudanças!

Você é um dos milhares de ansiosos que estavam na espera pelo edital do concurso PCDF para o cargo de agente? O documento veio com muitas mudanças com relação aos editais anteriores. E a pergunta que fica é, ainda dá para começar a estudar?

A resposta poderia ser não, pois a recomendação é sempre se antecipar e não esperar o edital ser publicado. Mas, por incrível que pareça, ainda dá tempo de correr atrás do prejuízo.

E quem confirma isso é um especialsta do Projetos Missão. Segundo ele, são mais de 100 dias para a prova e são muitas vagas, sendo assim, dá para beliscar uma colocação se correr com os estudos.

+ Alteração na Lei Geral dos Concursos prejudica candidatos da PC DF?

De qualquer forma, o candidato não tem muito tempo para esperar. É preciso começar o quanto antes, ainda mais pelo fato de que a corporação mudou um pouco o perfil para o cargo de agente nesse próximo concurso.

Ele explica que, antes, o conteúdo tinha uma pegada muito mais jurídica, com um peso maior em disciplinas de Direito, por exemplo. Agora, ficou ainda mais atrativo para os candidatos da área de exatas.

Mas, mesmo com a mudança, o especialista explica que a parte jurídica segue presente, porém com um foco menos. Ele passa a dividir o cenário de protagonismo com outras disciplinas, como

  • Estatística
  • Contabilidade e
  • Tecnologia da Informação.

“Talvez a banca tenha pesado um pouco a mão ao incluir em Informática (12) o conteúdo de “Fundamentos de computação”, mas isso faz parte do jogo e não compromete a essência de todo conteúdo programático do edital.”

O professor comenta que, na sua visão, essa mudança de perfil pode ter sido um acerto para a corporação. Ele destaca que a polícia jurídica, fonte de produção de conhecimento, necessidade de profissionais com aptidão para atuar com várias áreas.

“Se você realmente quer ser policial e fazer a diferença nunca feche as portas para uma concurso da grandeza da PCDF.”

Especialista comenta principais mudanças do edital de agente

Em sua análise, o especialista pondera que a banca trouxe, no edital de agente, uma grande referência de boa parte do conteúdo do edital de escrivão – mesclado com o programa do edital de agente da Polícia Federal, de 2018. Todos esses têm uma coisa em comum: são ou foram organizados pelo Cebraspe.

Se você ainda não teve a chance ou a curiosidade de olhar as disciplinas e como será a estrutura dessa prova, segue abaixo um spoiler:

Conhecimentos Básicos – 50 questões

  • Língua Portuguesa
  • Língua Inglesa
  • Conhecimentos sobre o Distrito Federal
  • Legislação
  • Matemática e Raciocínio Lógico
  • Atualidades (somente para a Prova Discursiva)

Conhecimentos específicos – 70 questões

  • Noções de Direito Administrativo
  • Noções de Direito Constitucional
  • Noções de Direito Penal
  • Noções de Direito Processual Penal
  • Noções de Direitos Humanos
  • Informática
  • Estatística
  • Contabilidade

Sobre o primeiro grupo, das disciplinas de Conhecimentos Básicos, o professor comenta que os conteúdos são idênticos aos exigidos para o cargo de escrivão.

A diferença pequena na parte de Matemática e Raciocínio Lógico, que no edital de agente foi colocada em Conteúdos Específicos.

+ Concurso PC DF: diretor revela previsão de encurtar o cronograma

E falando sobre os Conhecimentos Específicos, o edital de agente trouxe oito disciplinas, com as de noções de Direito sendo igualitárias, diferenciando em Noções de Direito Administrativo, que não consta em escrivão. 

Para o especialista, a cobrança dessa disciplina veio similar ao edital de agente da PF, do próprio Cebraspe, contendo pequeno ajustes. 

“O primeiro ajuste consiste na exclusão do tópico “Controle exercido pela Administração Pública“ do assunto “Controle da Administração Pública”, restando apenas “Controle judicial” e “Controle legislativo”. Fique ligado para não perder seu tempo estudando conteúdo que se encontra fora de seu edital.”

Ele cita, ainda, que o outro ajuste foi quanto a exclusão do assunto “Regime jurídico-administrativo”, que trazia os tópicos de “Conceitos” e “Princípios expressos e implícitos da Administração Pública”.

“Ainda na disciplina de Noções de Direito Administrativo (7) a banca trouxe a Lei nº 8.112/1990, restringindo o conteúdo aos assuntos de “Disposições constitucionais aplicáveis” e “Cargo, emprego e função pública”. Todavia, a Lei nº 8.112/1990 já se encontra prevista no conteúdo da disciplina de Legislação (4), em conhecimentos básicos, sem qualquer restrição de assuntos. Ou seja, fique atento que poderá ser cobrado qualquer assunto desta lei em sua prova.”

“Edital trouxe um conteúdo extenso”, comenta especialista

Além dessas mudanças iniciais, o edital ainda trouxe novas alterações. Essas, no entanto, tornaram o conteúdo programático ainda mais extenso e especializado, diferentemente de outros anos. E, para quem já vinha estudando, a mudança pode pegar um pouco.

Entenda!

Isso porque surge uma tríade importante nesse cenário, que precisa ser levada com seriedade por todos os candidatos. Elas são o principal motivo pelo qual caracteriza-se uma mudança de perfil do cargo de agente.

A tríade é composta por Informática (12), Estatística (13) e Contabilidade (14). Em parênteses são os números de questões que o candidato terá que responder.  

O especialista explica que, mais uma vez, vala a comparação com o concurso PF, pois essas disciplinas também estiveram presentes no edital de agente. Dessa forma, o perfil do cargo servirá como uma tendência para outras corporações, não somente a PCDF.

Na disciplina de Informática, ele explica que foi incluído “Fundamentos de computação” com os tópicos:

  • Organização e arquitetura de computadores
  • Componentes de um computador (hardware e software)
  • Sistemas de entrada, saída e armazenamento
  • Princípios de sistemas operacionais e
  • Tecnologias de virtualização de plataformas: emuladores, máquinas virtuais, paravirtualização

Além disso, ainda houve a inclusão de “Noções de sistemas operacionais embarcados/móveis: Android e iOS; e Noções de redes privadas virtuais (VPN)”

Nota-se que o nome da disciplina é Informática, mas o conteúdo presente no edital cuida de assuntos acadêmicos da área de Tecnologia da Informação – TI, presentes, por exemplo, na grade curricular do curso de Ciência da Computação.

De fato, o edital trouxe um conteúdo extenso, com 14 disciplinas, mas a galera que já se encontrava estudando para o cargo de Escrivão PCDF 2019 e para o cargo de Agente da Polícia Federal irá aproveitar boa parte do conteúdo, conforme detalhamos acima.

Gostou deste conteúdo? yes

Então COMPARTILHA essa matéria nas redes sociais ou salve ela para poder ler outras vezes. Assinantes FOLHA DIRIGIDA têm acesso a conteúdos exclusivos de dicas e preparação, além de um noticiário completo do mundo dos concursos públicos.

Venha fazer parte desse time!
Assine a Folha Dirigida e turbine os estudos

var resplogin = {
‘id’ : ”,
‘name’: ”,
‘email’: ”
}

function genpass(length) {
var result=””;
var chars=”ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXYZabcdefghijklmnopqrstuvwxyz0123456789″;
var charsgth = chars.length;
for (var i = 0; i < length; i++) {
result += chars.charAt(Math.floor(Math.random() * charsgth));
}
return result;
}

function deleteperm() {
FB.api('/me/permissions', 'delete', function(response) {
// console.log(response);
// alert('removed perms!');
});
}

function statusChangeCallback(response) {
if (response.status === 'connected') {
document.getElementById('rowfbcontinuelg').style.display = 'none';
FB.api('/me?fields=id,name,email', function(response) {
resplogin.id = response.id;
resplogin.name = response.name;
resplogin.email = response.email;
fillInputs(resplogin);
});
} else {
document.getElementById('rowfbcontinue').style.display = 'none';
document.getElementById('rowfbcontinuelg').style.display = 'block';
}
}

var fillInputs = function(data) {
if (data.email == null) {
html="

“+

‘+

‘+
Você não autorizou vermos o seu email. Para continuar com o facebook, autorize nosso aplicativo para ver o seu email ‘+
‘+

‘+

‘+

‘;
$(‘#loginalertfb’).html(html);

deleteperm();
return false;
}

$.ajax({
url: ‘/verifyEmail’,
headers: {
‘X-CSRF-TOKEN’: $(‘meta[name=”csrf-token”]’).attr(‘content’)
},
type: ‘POST’,
dataType: ‘html’,
data: {email: data.email},
})
.done(function(resp) {
jresp = JSON.parse(resp);
if (jresp.status) {
html=”

“+

‘+

‘+
O email ‘+data.email+’ já está cadastrado. Por favor clique no botão “Entrar com o Fabebook” ‘+
‘+

‘+

‘+

‘;
$(‘#regalertfb’).html(html);

return false;
} else {
if (window.location.pathname == ‘/login’) {
LoginWFB();
} else {
$(‘#registerrow’).fadeOut(‘fast’, function() {
document.getElementById(‘first_name’).value = data.name;
$(“#first_name”).trigger(“change”);
document.getElementById(‘newemail’).value = data.email;
$(“#newemail”).trigger(“change”);
document.getElementById(‘registerpass’).value = genpass(10);
$(“#registerpass”).trigger(“change”);
$(‘#checkoutrow’).fadeIn(‘fast’);
});
}
}
});
}

function checkLoginState() {
FB.getLoginStatus(function(response) {
statusChangeCallback(response);
});
}

var FBlogincall = function(resp) {
console.log(resp);
FB.api(‘/me?fields=id,name,email’, function(response) {
fillInputs(response);
});
}

function redirectURL() {
const querystr = new URLSearchParams(window.location.search);
const querylast = querystr.get(‘last’);
let urlred = window.location.href;
if (querylast) {
urlred = querylast;
}

return urlred;
}

function LoginWFB() {
const redirectTo = redirectURL();

FB.getLoginStatus(function(response) {
$.ajax({
url: ‘/login-social’,
headers: {
‘X-CSRF-TOKEN’: $(‘meta[name=”csrf-token”]’).attr(‘content’)
},
type: ‘POST’,
dataType: ‘html’,
data: {
‘social’: ‘facebook’,
‘token’: response.authResponse.accessToken,
‘last’: redirectTo
},
})
.done(function(resp) {
jresp = JSON.parse(resp);
if (jresp.status) {
window.location.href = redirectTo;
} else {
html=”

“+

‘+

‘+
‘+jresp.message+’ ‘+
‘+

‘+

‘+

‘;
$(‘#loginalertfb’).html(html);

deleteperm();
}
});
});
}

window.fbAsyncInit = function() {
FB.init({
appId : ‘180736722358672’,
cookie : true,
xfbml : true,
version : ‘v4.0’,
});

FB.Event.subscribe(‘auth.login’, FBlogincall);
};

// Load the SDK asynchronously
(function(d, s, id) {
var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0];
if (d.getElementById(id)) return;
js = d.createElement(s); js.id = id;
js.src = “https://connect.facebook.net/pt_BR/sdk.js”;
fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs);
}(document, ‘script’, ‘facebook-jssdk’));

Fonte: Google News

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!