fbpx

Concurso Receita Federal: O que estudar e como se preparar

A Receita Federal confirmou o envio de um requerimento ao Ministério da Economia para que se autorize um novo concurso. O intuito é preencher nada menos que 3.360 vagas referente a cargos de variadas áreas.

De acordo com o órgão, o pedido para o Concurso Receita Federal 2021 ocorreu até 31 de maio, prazo estipulado pela pasta anteriormente. Segundo a instituição, o certame deve considerar recursos previstos no orçamento federal de 2021.

A saber, poderão se inscrever os candidatos que tem formação em nível médio e superior. Para se ter uma ideia, o cargo de Analista concurso Receita Federal 2021 tem remuneração inicial de R$ 11.684,39. Já para o cargo de Auditor tem remuneração inicial que chega a até R$ 21.029,09.

Organize um cronograma de estudos para o concurso Receita Federal

Primeiramente, antes de mais nada, prepare-se para a sua rotina de estudos para o concurso Receita Federal. Afinal, como qualquer outro certame, este exige matérias determinadas e você precisa se inteirar sobre elas.

Para nível médio

Monte o seu cronograma de estudos levando em consideração as disciplinas solicitadas no edital. De acordo com o último concurso realizado as seguintes matérias constavam no documento para os cargos de nível médio:

Língua Portuguesa, Matemática e Raciocínio Lógico, Conhecimentos de Informática, Atualidades, Gestão de Pessoas e do Atendimento ao Público, Ética do Servidor na Administração Pública, Administração Pública Brasileira e Regime Jurídico dos Agentes Públicos.

Para nível superior:

Já as matérias cobradas nas provas para os cargos de nível superior, ocorridas em 2014, pediam conhecimentos em:

Língua Portuguesa, Espanhol ou Inglês, Raciocínio Lógico-Quantitativo, Administração Geral e Pública, Direito Constitucional, Direito Administrativo, Direito Tributário, Auditoria, Contabilidade Geral e Avançada, Legislação Tributária e Comércio Internacional e Legislação Aduaneira.

Especificamente no caso do concurso para cargo de Analista da Receita Federal, deve-se incluir nos estudos questões de Informática (área de Informática).

Não espere a divulgação do edital

Um erro cometido por muitos concurseiros é só começar a estudar após a divulgação do edital. O ideal mesmo é antecipar a preparação para aumentar as chances de sair na frente na disputa por uma vaga.

Afinal, o concurso da Receita Federal é super concorrido e garantir meses a mais de estudo pode beneficiar bastante a busca pela aprovação.

Estude questões da banca organizadora

Logo após montar um cronograma de estudos baseando-se nas matérias mais prováveis, inclua nesse calendário o estudo por questões.

Há concurseiros que preferem estudar somente pela resolução das questões. Entretanto, o ideal é que você mescle o aprendizado teórico das matérias com essa atividade.

Leve em consideração as questões da banca organizadora, informação que você conhecerá assim que o edital sair. Isso vai te dar mais confiança na hora da prova. Afinal, já saberá em como é o estilo das questões de tal banca, o formato convencional, se há muitas ou poucas pegadinhas, enfim, tudo o que se refere.

A saber, ainda não teve definição da banca do próximo certame.

Tem o intuito de prestar esse concurso? Então conheça mais informações sobre esse possível novo concurso da Receita Federal clicando aqui.

Fonte: Google News

Deixe uma resposta

Jornais Virtuais