fbpx

Concursos Públicos: Principais bancas do país

Um fato que o estudante deve avaliar ao se preparar para uma avaliação é o estilo e formato das questões cobradas. Isso costuma ser definido pelas bancas organizadoras. Nesse sentido, conhecer a banca é fundamental para entender o funcionamento da prova e consegui resolvê-la com eficiência.

Entender o rigor e saber que tipo de cobrança será feita ajuda a otimizar os estudos e melhorar o desempenho.  As bancas têm a função de elaborar, divulgar e organizar todas as demandas referentes a vestibulares e concursos públicos. Ela é formada por professores permanentes e temporários, que são contratados apenas para a elaboração das questões do exame.

Veja abaixo a lista com as principais bancas do país e como funcionam.

1. Fundação Getúlio Vargas (FGV)

Esta é uma das bancas mais conhecidas, principalmente por aplicar as provas da OAB (Ordem Nacional do Advogados do Brasil). Ela é responsável também por outras provas que envolvem cargos na área do Direito e questões civis de modo geral. Suas questões costumam ser complexas, com textos longos. Além disso, o padrão varia de uma prova para outra, e essa imprevisibilidade dificulta bastante a vida dos estudantes. Por isso, também é considerada uma das bancas mais difíceis.

2. Cespe/ Cebraspe

Outra banca bastante temida pelos estudantes pois cobra conhecimento profundo dos assuntos. As questões são no formato de verdadeiro ou falso, o que exige ainda mais foco e concentração do candidato. Nesse esquema, uma alternativa incorreta desconta postos de uma questão correta, reduzindo assim a chance de acerto e erro a 50%. Isso impede também o aluno de comparar resposta ou fazer chutes aleatórios.

Você Pode Gostar Também:

3. Fundação Carlos Chagas (FCC)

Essa banca se baseia em provas com questões de múltipla escolha e longos enunciados. Porém, é uma prova mais fácil em comparação a de outras bancas pois é um formato que preza pela praticidade e respostas objetivas.

4. Cesgranrio

Uma  vantagem dessa banca é que há muitas provas que ficam disponíveis em sites e a partir delas você fazer simulados e se prepara com antecedência. Além disso, costumam sempre cobrar o conteúdo descrito no edital. Por outro lado, as questões de raciocínio lógico exigem grande concentração devido ao alto nível de complexidade.

 E aí? Gostou do texto? Então deixe o seu comentário!

Clique aqui para ver mais dicas.
Leia também CNE pode aprovar ensino remoto até dezembro de 2021.

Fonte: Google News

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!