fbpx

Congresso e STF decretam luto pelas 100 mil mortes por Covid-19 – Política

Agência Brasil

Congresso Nacional ficará com atividade suspensas por quatro dias

O Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal (STF) decretaram luto oficial após o  Brasil atingir a marca de 100 mortos
pela Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2). Na Câmara e no Senado, as atividades ficarão suspensas por quatro dias, enquanto no STF o ministro Dias Toffoli, presidente da Corte, disse por meio de nota que as atividades serão paralisadas por três dias.

Em uma publicação feita no Twitter, o senador Davi Alcolumbre (DEM-AP), presidente da Casa, disse que o luto oficial é em solidariedade “a todos os brasileiros afetados pela pandemia e às vítimas desta tragédia”.

Devido a essa pausa, as sessões na Câmara e no Senado só serão retomadas na quarta-feira (12). “Hoje é um dos dias mais tristes da nossa história recente. O Brasil registra 100 mil vidas perdidas para a covid-19. O Congresso Nacional decreta luto oficial de 4 dias em solidariedade a todos os brasileiros afetados pela pandemia e às vítimas desta tragédia”, escreveu Alcolumbre.

Também nas redes sociais, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que é “absurda” a chegada à marca de 100 mil mortos pela Covid-19 no Brasil. “Estamos convivendo diariamente com a pandemia, mas não podemos ficar anestesiados e tratar com naturalidade esses números. Cada vida é única e importa”, afirmou o parlamentar.

Já o ministro Dias Toffoli divulgou mensagem de solidariedade às famílias daqueles que perderam a vida por causa do novo coronavírus. “Somos uma nação enlutada, que sofre pela perda de familiares, amigos e pessoas do nosso convívio social. Jamais vivemos uma tragédia dessa dimensão em nosso país”, presidente do Supremo. 

“Os reflexos e as dores oriundas da pandemia são inúmeros e imensuráveis. Mas a maior de todas as dores é, sem dúvida, a perda de alguém que amamos. Isso é algo que jamais pode ser restituído ou compensado. Nesses tempos de tantos temores e perdas, humanas e materiais, somos instados a exercer a solidariedade e o espírito fraternal”, completou Toffoli.

Fonte: Google News

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!