fbpx

Crédito para MEI com baixos juros. Saiba como solicitar!

Ao se tornar um Microempreendedor Individual (MEI), é comum que o empresário tenha necessidade de solicitar crédito com juros baixos, seja para a compra de produtos e até mesmo para melhorias em seu negócio. Para isso, há duas opções disponíveis no mercado para esse grupo: o empréstimo e o cartão de crédito.

Para quem esteja buscando com crédito de modo ágil e constante, o cartão de crédito para MEI pode ser a melhor opção. Pensando nisso, o BNDES oferta um dos cartões mais utilizados pelos microempreendedores em todo país, o cartão de crédito BNDES. Com ele, o empresário conseguirá um crédito descomplicado e com baixa taxa de juros. A opção é ofertada para MEI, micro, pequenas e médias empresas.

Entretanto, vale ressaltar que o cartão não poderá ser utilizado para gastos pessoais do dono da empresa. Com isso, o seu uso deve ser exclusivo para custear gastos da empresa. Além disso, é preciso estar com a documentação como MEI em dia, possuir as certidões negativas, ter residência fixa no Brasil e um faturamento anual de até R$ 81 mil para microempreendedor.

Como solicitar o Cartão BNDES para MEI

Primeiramente, para solicitar o cartão de crédito do BNDES é preciso ter conta-corrente em um dos seguintes bancos: Banco do Brasil, Banco do Nordeste, Benestes, Banrisul, Bradesco, BRDE, Caixa, Itaú, Santander, Sicoob ou Sicredi.

Caso tenha conta em um dos bancos citados, basta acessar o site do BNDES e clicar em “Solicite seu Cartão”. Em seguida, será preciso informar o CNPJ e a Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE), além de selecionar qual o banco listado em que já possui conta corrente. Sendo assim, basta preencher os dados solicitados e enviar a proposta de solicitação do cartão.

Contudo, após a solicitação do cartão ser realizada via site, será preciso que o microempreendedor se direcione até o banco em que possui conta-corrente para apresentar os seguintes documentos:

  • Atas de eleição dos administradores;
  • Balanço Patrimonial;
  • Certidão Negativa de Débito (CND);
  • Certidão de regularidade do FGTS (solicitada no site do FGTS);
  • Contrato Social da Empresa.

Caso a documentação citada não seja exigida, a instituição selecionada possui até 30 dias para enviar o cartão de crédito ao endereço informado pelo MEI. Além disso, caso o banco solicitado não aprove a emissão do Cartão BNDES, será possível enviar uma nova solicitação para outra instituição, visto que cada uma possui sua própria política de concessão de crédito.

Confira: Conheça a conta digital para MEI sem consulta ao SPC/Serasa.

Vantagens do Cartão BNDES

O Cartão BNDES foi pensado especificamente para os empreendedores brasileiros, com o intuito de ofertar as menores taxas de juros no cartão de crédito. Com isso, a taxa de juros fixada para setembro de 2019 é de apenas 1,17% ao mês. Sendo assim, o cartão se torna uma ótima opção para os micro, pequenos e médios empresários que estejam buscando por uma solução financeira mais barata.

Além disso, o cartão oferta um financiamento automático, que pode ser realizado de 3 a 48 parcelas. O pagamento deverá ser pago em prestações fixas e de mesmo valor.

Utilizando o Cartão BNDES

O cartão de crédito do BNDES deve ser usado exclusivamente para despesas da empresa. Sendo assim, ele poderá ser utilizado por meio de compra direta: uma conta online realizada pelo empreendedor no Portal do BNDES.

Além disso, o cartão poderá ser utilizada para compras indiretas, no cado de negociações realizadas com fornecedores de materiais. Entretanto, será preciso que o fornecedor includa a compra no portão do cartão do BNDES.

Por fim, o cartão de crédito do BNDES possui seu vencimento a cada 15 dias. O pagamento é feito por débito automático na conta corrente do MEI, informada durante o processo de solicitação do cartão.


Fonte: Edital Concursos Brasil

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!