fbpx

Decorar é realmente uma boa estratégia de estudo?

Apelar para a “decoreba” antes de realizar uma prova importante é muito comum entre os estudantes. No entanto, a maioria acaba se dando mal.

Mesmo que pareça uma boa ideia decorar todo o assunto da prova para evitar esquecê-lo, essa não é a melhor maneira de se preparar para exames. Ao contrário do que muitos pensam, decorar é muito diferente de memorizar o assunto, o que às vezes é necessário.

Por que não é bom apenas decorar?

É preciso ter em mente que para obter bons resultados em vestibulares e em concursos, por exemplo, o ponto principal é a qualidade dos estudos. Os estudos devem ser qualitativos e não quantitativos.

Desse modo, decorar é definitivamente uma má ideia pois consiste em reter o assunto na mente por meio da repetição do mesmo, sem necessariamente compreendê-lo. Desse modo, o estudo perde a sua qualidade. Entre os professores é unanimidade que a “decoreba” não é sequer uma forma de estudo.

Por esse motivo, decorar pode ser uma grande perda de tempo, pois não permite ao estudante a aplicação adequada do conteúdo. Para responder bem a provas sejam elas discursivas ou objetivas, é fundamental compreender o assunto para interpretar o que a questão pede. 

A ideia da prova não é repetir o assunto tal como como está no livro, mas sim, demonstrar que compreende o assunto. Por esse motivo, apenas decorar não dá conta desta demanda.

Você Pode Gostar Também:

Além disso, ao decorar o estudante está mais suscetível a esquecer tudo o que leu durante o período de estudos em uma situação que grande pressão, como é a aplicação de uma prova, por exemplo.

O que fazer?

A estratégia de decorar não deve ser a principal forma de estudo como muitos fazem, especialmente quando se trata de exames mais complexos como os de concursos públicos, vestibulares e Enem, por exemplo.

Há algumas situações em que decorar pode ajudar, mas não é sempre. Gravar fórmulas matemáticas, termos técnicos e outros só funciona se houver uma compreensão mínima de como usá-los e do seu significado. Caso contrário, o seu cérebro irá descartar a informação.

Então, ao estudar para concursos e vestibulares, busque a compreensão total do assunto e faça revisões espaçadas para ajudar na fixação do conhecimento na sua memória. Além disso, evite ao máximo a “decoreba” como uma estratégia de estudo, pois não garante bons resultados.

Gostou do texto? Então deixe aqui o seu comentário!

Clique aqui para ver mais dicas de estudo.
Veja O que fazer se “der um branco” na prova? Confira 3 dicas!

Fonte: Google News

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!