fbpx

DF: Educação lança série de vídeos que coloca o aluno como protagonista

A partir de terça-feira (30), a Secretaria de Educação do Distrito Federal e a Escola de Filosofia Nova Acrópole disponibilizam, em suas redes sociais e site do Escola em Casa DF, uma série com 12 episódios que colocam o estudante como protagonista de sua própria história e da história do conhecimento. A série A Jornada do Herói foi produzida e inspirada na obra do norte-americano Joseph Campbell.

Ela será apresentada pela psicopedagoga Aline Freitas e trará ensinamentos concretos para auxiliar os estudantes a lidarem com este momento novo de estudar longe da escola, sem contato físico com os colegas e com os professores. Ela é mais uma forma de apoio do programa Escola em Casa DF aos estudantes.

Em 12 vídeos que começam a ser postados no site, na página do Escola em Casa DF, e em todas as redes sociais da Secretaria nesta terça-feira, 30/6, a psicopedagoga faz um paralelo entre a educação e a Jornada do Herói, revelando aos estudantes o percurso de transformação do homem comum em herói, passando pelas provações do caminho. A série ambiciona gerar uma autonomia entre os jovens e ressignificar a aprendizagem.

Você Pode Gostar Também:

“Acredito muito na ideia de que por meio da educação, o ser humano pode se tornar cada vez melhor, em termos de valores e virtudes. Queria levar esta mensagem aos jovens e ajudá-los com dicas para os seus estudos de uma forma lúdica e atrativa”, explica Aline Freitas, informando que os estudantes vão aprender a vencer as dificuldades de estudar, lidar com o ensino mediado, enfrentar os medos e desafios de aprender.

Aplicativo gratuito

O programa Escola em Casa DF, elaborado pela Secretaria de Educação para fazer a travessia exigida pela pandemia, vai ter um aplicativo no qual a comunidade escolar aproveita e a Secretaria paga. A partir desta semana, os estudantes e os professores podem baixar o app gratuitamente nas lojas da Apple Store ou na Play Store. Só é preciso informar o login com o e-mail @estudante e a senha escolhida para navegar no Google Sala de Aula. O app nasceu de uma parceria entre a Secretaria e o Laboratório Avançado de Pesquisa, Produção e Inovação em Software (Lappis) da Universidade de Brasília (UnB).

O coordenador do Escola em Casa DF, David Nogueira, informa que a utilização do app pela comunidade escolar depende somente que a Secretaria de Economia, que faz a gestão dessa área, faça a inserção nas lojas (Apple Store e Play Store), o que deve acontecer até a semana que vem. Feito isso, é só baixar. A Secretaria investiu R$ 17,6 mil na parceria com o Lappis. David informa que o único pré-requisito para o acesso ao app é ter um chip ativo. Quem já estava conectado ao Google Sala de Aula também deve baixar o app para ter acesso ilimitado ao conteúdo do Escola em Casa DF.

 

Fonte: Google News

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!