Diferença entre musculação e funcional – Entenda – Dietas

Você sabe a diferença entre musculação e funcional? Neste texto, vamos explicar de forma simplificada o que cada um destes treinamentos possuem de diferentes e o que eles têm em comum. Desta forma, você poderá entender qual a melhor forma de montar o seu treino e qual caminho seguir. Acompanhe para tirar as suas dúvidas e veja como tirar o melhor proveito de cada modalidade.

Diferença entre musculação e funcional

Quando as pessoas se perguntam sobre a diferença entre musculação e funcional, a primeira coisa que vem na cabeça é: não é tudo a mesma coisa? Não, não é. Por mais que em ambos os treinos você deverá levantar peso e fazer força, há diferenças muito grandes no que diz respeito a áreas musculares trabalhadas durante os exercícios.

Basicamente, para entender a diferença entre estes dois termos precisa-se levar justamente ao pé da letra. Na musculação, você irá trabalhar o músculo. No treino funcional, você irá trabalhar áreas funcionais do corpo. Ficou complicado de entender? Acompanhe o raciocínio logo abaixo.

O que é musculação?

Para entender a diferença entre musculação e funcional, nada melhor que falar um pouco sobre cada um, não é mesmo? Desta forma, podemos entender musculação como um exercício que irá focar em uma área muscular específica do corpo humano. Ou seja, você poderá exercitar cada parte do seu corpo de forma isolada e focada.

Assim sendo, a musculação entra como uma excelente forma de proporcionar ganhos em cada parte específica do corpo. Afinal, as repetições de movimento no músculo proporcionarão o aumento do volume do mesmo de forma visível. Ou seja, para quem busca o aumento de massa muscular em áreas específicas, a musculação talvez seja o mais indicado.

Entretanto, é importante sempre consultar seu profissional de educação física para que o treino seja montado de acordo com as suas necessidades e vontades. Afinal, nem sempre aquilo que você quer é aquilo que você realmente precisa. Por isso, trabalhar de uma forma consciente e inteligente é muito importante.

O que é treino funcional?

Agora que você entendeu o que é um treino de musculação, deve estar imaginando que o treino funcional seja exatamente ao contrário, não é? Ou seja, o foco não é apenas em um músculo, mas sim, em vários. Se você pensou isso, acertou. O treino funcional prevê exatamente este tipo de movimento e exercício no corpo, visto que ele busca fazer tudo funcionar. Daí o nome.

O treino funcional é responsável por fazer o corpo se adaptar a situações mais extremas e adversas, com os movimentos básicos do corpo humano. Ou seja, agachar, pular, correr, fazer força, levantar, etc. Entretanto, você fará estas atividades de forma coordenada e de acordo com o que o seu professor de educação física estipular. Vale lembrar ainda que muitas das vezes, os exercícios serão feitos com auxílio de pesos extras. Assim, tudo ficará mais intensificado e os resultados serão maiores.

Falando em resultados, com o treino funcional o atleta poderá obter resultados em diversos setores do corpo. Como por exemplo, ganho de resistência, perda de gordura (ou massa gorda) desnecessária, aumento da força muscular de forma linear em diversos músculos ao mesmo tempo, etc.

O que é melhor pra mim?

Entendendo a diferença entre musculação e funcional, você já pode pensar o que é melhor para você. Ou seja, entendendo o que cada exercício proporciona no corpo, você poderá traçar o seu próprio objetivo e optar por uma das modalidades, sempre com auxílio de um profissional da área, claro.

Optar por um ou pelo outro é um fator de escolha. Para hipertrofia, ou seja, ganho de massa muscular até para motivos estéticos, a musculação será a melhor opção. Nela, você terá exercícios focados em cada parte do corpo e poderá trabalhá-los até que forem a exaustão. Já no treino funcional, você poderá adquirir mais mobilidade e força.

Assim sendo, uma das possibilidades é você inclusive fazer os dois exercícios. Um para ganhar volume e outro para ganhar força. E assim, poderá aproveitar os benefícios de cada um de forma separada e, inclusive, ter mais resultados.

Entretanto, esta opção é para atletas avançados. Você precisará de auxílio de profissionais competentes para montar um treino que seja viável para o seu biotipo e de acordo com a sua resistência, visto que um treino funcional pode ser extremamente desgastante. Bem como um treino focado de musculação. Por isso, equilíbrio é sempre o melhor caminho.

Estipule seus objetivos e saiba onde você quer chegar

Agora vamos abordar um fator extremamente importante para quem deseja praticar exercícios físicos: objetivos. Este é um tema complicado pois parece extremamente simples estipular um objetivo. Por exemplo, se você quer ganhar músculos, seu objetivo será a hipertrofia com treinos de musculação. Entretanto, não é bem assim. Os objetivos que estamos falando aqui, são muito mais profundos do que o alcance final. Acompanhe para entender.

Estipular objetivos quando o assunto é exercício físico não é fácil. Você precisa de equilíbrio. Pois se basear apenas em números, pesos e medidas, pode ficar muito superficial e você pode não alcançar. Por exemplo, você precisa identificar onde você poderá chegar de forma clara e possível. Afinal, de nada adianta colocar objetivos inalcançáveis. Isto fará com que você desista e ache que é impossível atingir o que você busca.

Por isso, o primeiro passo é colocar metas atingíveis para comemorar as pequenas conquistas e, no longo prazo sim, atingir o objetivo principal.

Faça um acompanhamento nutricional

Para que o seu treinamento seja ainda mais efetivo, seja ele funcional ou musculação, o ideal é que você faça um acompanhamento nutricional com base nos seus objetivos, que falamos anteriormente. Levando em consideração que nós somos o que comemos, é muito importante comer certo e de forma balanceada para que os efeitos sejam positivos com o seu treino. Caso contrário, tudo poderá desandar e até mesmo ser ainda mais difícil para você.

Faça o tempo trabalhar a seu favor

Nada é da noite para o dia. E quanto falamos de treinamentos, é preciso fazer o tempo trabalhar a seu favor. Desta forma, estipular objetivos de curto, médio e longo prazo, conforme falamos, é fundamental. Assim você colherá os frutos de pouco em pouco, não sofrerá com ansiedade e conseguirá manter-se no seu plano. Bom treino!

The post Diferença entre musculação e funcional – Entenda appeared first on Malhar Bem – Dicas de Saúde e Malhação.

Fonte: R7

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: