fbpx

Dolphin skin, o que é? Como fazer uma boa “pele de golfinho” – Beleza

Você já ouviu falar sobre dolphin skin? O termo em inglês, traduzido para “pele de golfinho”, é a nova tendência bombástica das redes sociais. O novo estilo de maquiagem sendo recriado por boa parte das blogueiras ao redor do mundo promete uma pele linda, lisa e brilhante. Mas afinal, como é possível alcançar isso?

Foi-se o tempo em que uma pele opaca e tomada de uma grossa camada de base era o modelo a ser seguido. Hoje em dia, acima de tudo, é prezado o efeito mais natural possível, visando um aspecto saudável e radiante. O nome da moda vem do fato da pele dos golfinhos ser extremamente lisa e de um brilho sem igual. Assim, foi adotada a técnica de sublimação da tez, dando a ela a mesma aparência luminosa.

Da mesma forma, a dolphin skin segue o mesmo modelo de outras tendências, como a pele de yoga e a pele de vidro, que objetivam um aspecto suculento e fresco, apostando em produtos mais líquidos e menos matte. Abaixo, você pode conferir mais informações a respeito da pele de golfinho e como consegui-la também.

Fonte: My Imperfect Life

O que é a dolphin skin?

A princípio, a técnica da dolphin skin é uma criação da maquiadora Mary Phillips, responsável pela pele de celebridades como Kim Kardashian, Kendall Jenner e Jennifer Lopez, bem como a marca de cosméticos Iconic London. Ela assina seu trabalho por meio de finalizações de aspecto extremamente hidratado, radiante e orvalhado. Inicialmente, a dolphin skin já era utilizada em editoriais de moda, mas agora também ganha seu espaço na maquiagem social.

O grande truque para a pele de golfinho está no uso de nada além de cosméticos líquidos, que ajudam a fornecer a tal aparência lisa e brilhante almejada. Além disso, é importante lembrar de não iluminar a zona T: a ideia é deixar a pele radiante, e não com um aspecto oleoso. É essencial evitar o excesso, pois qualquer deslize pode acabar com a beleza da dolphin skin e tornar a maquiagem apenas uma mistura derretida.

Fonte: Mecca

Nesse sentido, as peles mistas e oleosas precisam tomar mais cuidado ao fazer o teste da dolphin skin. A oleosidade natural dessas peles, que é maior do que o normal, necessita das técnicas corretas para evitar o aspecto de suor e sujeira. Assim, a real vencedora na tentativa da pele de golfinho é a madura, que sempre requer maior hidratação e produtos mais fluidos para recuperar o brilho e os bons resultados.

Como fazer uma boa “pele de golfinho”

Antes de mais nada, é importante entender que o primeiro passo para uma dolphin skin excelente é o cuidado que vem de dentro. Antes mesmo da aplicação da maquiagem, uma boa rotina de cuidados com a pele já pode garantir um glow lindo, sendo assim, apostar em um óleo vegetal para usar diariamente já é um ótimo começo. Afinal, a pele de golfinho preza pela naturalidade, então quanto menos produtos forem necessários para esconder imperfeições, melhor.

1 – Cuide bem da pele

Fonte: ADCOS

Da mesma forma, lembre-se dos cuidados com a pele. Mantenha sua rotina bem estabelecida, hidratando a pele todos os dias e principalmente antes de fazer a maquiagem, de forma que o brilho pareça vir de dentro. No caso do hidratante não ser o suficiente, aposte em óleos essenciais durante a limpeza. 

2 – Use produtos líquidos

Fonte: Makeup

O segredo da dolphin skin é o uso de produtos de maquiagem majoritariamente líquidos. Nesse sentido, até mesmo um blush em formato de gloss funciona. De antemão, aplique uma bruma ou água termal antes mesmo do iluminador, de forma que seu efeito seja maximizado. Considere misturar um iluminador líquido em sua base na hora da aplicação ou até mesmo antes dela. Você não vai precisar de nada além de uma boa base, um iluminador líquido e um spray de glitter.

3 – Dolphin skin = glow!

Fonte: Karen Bachini

Nesse sentido, é importante apostar em produtos mais leves, como as bases de acabamento “glow” mais natural e blushes iluminados ou cremosos, por exemplo. Evite aplicar muito pó e dê preferência àqueles mais soltos, que são finos e translúcidos.

4 – Iluminação da pele de golfinho

Fonte: Lianna Sene

Como alcançar o bom brilho da dolphin skin? Após fazer o acabamento da pele, reforce o iluminador nos pontos mais altos do rosto, como as maçãs do rosto, as têmporas, o topo da testa, do nariz e arco-do-Cupido. Evite aplicar muito do produto nas áreas de maior oleosidade natural, no caso, a zona T. Os melhores iluminadores para o trabalho são aqueles com as menores partículas possíveis, que oferecem uma pigmentação melhor e mais natural.

5 – Finalize com detalhes

Fonte: Claudia

Para deixar sua maquiagem dolphin skin perfeita, finalize com o iluminador como sombra nos olhos, fazendo pontos de luz no canto interno e no centro das pálpebras, por exemplo. Aposte em um gloss bonito e com poder hidratante, bem como bastante máscara nos cílios. Caso queira, utilize algumas gotas de spray brilhante no fim para maximizar ainda mais o efeito de pele brilhante!

Se você se interessou por essa matéria sobre dolphin skin, aproveite também para conferir Como aumentar os olhos? 9 truques com maquiagem

Fontes: A Gazeta, Revista Quem, We Fashion Trends

Imagens: Kar-El, Karen Bachini, Claudia, Makeup, ADCOS, Mecca, My Imperfect Life, Lianna Sene

Essa matéria Dolphin skin, o que é? Como fazer uma boa “pele de golfinho” foi criada pelo site Área de Mulher.

Fonte: R7

Deixe uma resposta

Jornais Virtuais