fbpx

Eleições 2020: TSE pede cuidado com Covid-19 e fake news – Eleições

Reprodução: O Dia

Confira detalhes sobre as eleições em 2020

A campanha eleitoral
começa neste domingo (27) em todo o país. Serão mais de 517 mil candidatos concorrendo pelos cargos de prefeito e vereador, recorde absoluto na história do Brasil. Em pronunciamento, o Ministro Luís Roberto Barroso, presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pediu cuidado não apenas com o novo coronavírus
, mas também com as fake news
.

A internet terá papel fundamental durante a corrida eleitoral municipal em 2020. “Há um outro vírus que ronda as eleições, capaz de comprometer, não a saúde pública, mas a própria democracia. Trata-se das fake news, das campanhas de desinformação e de difamação. Uma causa que precise de mentiras, de ódio ou de agressões não pode ser boa”, afirmou Barroso. 

Para evitar contaminação pela Covid-19, o TSE orienta que candidatos evitem panfletos e outros tipos de materiais físicos, por mais que a prática continue permitida. Carreatas e comícios também são autorizados, contanto que sigam regras de distanciamento. O horário eleitoral começa na televisão e no rádio no próximo dia 9 de outubro. 

A maior eleição da história

Segundo apuração do portal G1, o aumento no número de candidatos das eleições se deve, principalmente, ao fim das coligações para eleições proporcionais (vereador, deputado estadual e deputado federal). 

A eleição de 2020 é a primeira em que a mudança passa a valer, apesar de a emenda da reforma política que fez a alteração ter sido promulgada em 2017. No entanto, as coligações ainda são permitidas nas eleições majoritárias (prefeito, presidente, governador e senador). 

O recorde era esperado, porque, considerando a atas das convenções partidárias, as capitais registravam 24.133 candidatos a vereador aprovados pelos partidos. A quantidade de candidatos ainda pode mudar, já que a Justiça Eleitoral precisa aprovar o registro das candidaturas e pode haver desistências. 

Se todos os candidatos de 2020 forem confirmados, a alta será de 27%, e estas eleições terão o maior número dos últimos 20 anos, segundo relatórios do TSE.

Fonte: Google News

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!