fbpx

Em dois dias, 45 mil se inscrevem para matar bisões nos EUA

Superpopulação de bisões vem causando danos

Foto: Getty Images / BBC News Brasil

Mais de 45 mil pessoas se registraram para abater bisões no Grand Canyon depois que o Serviço Nacional de Parques dos Estados Unidos (NPS, na sigla em inglês) solicitou voluntários para controlar a superpopulação desses animais.

O famoso parque nacional do Estado americano do Arizona está buscando 12 “voluntários qualificados” para reduzir o rebanho, que cresceu o suficiente para causar danos ambientais.

O evento não está sendo classificado como “caça”, pois a caça é proibida nos parques nacionais dos Estados Unidos.

Mas alguns ambientalistas alertaram que a medida pode abrir um precedente perigoso.

As inscrições abriram na segunda-feira e fecharam após 48 horas com 45.040 inscritos.

Serão selecionados 25 nomes iniciais. Depois de serem avaliadas pelas autoridades do parque com base em suas habilidades, incluindo tiro ao alvo, 12 pessoas terão a oportunidade de matar um bisão em uma área do parque conhecida como North Rim.

North Rim, área do Grand Canyon, é conhecida pelo terreno acidentado

North Rim, área do Grand Canyon, é conhecida pelo terreno acidentado

Foto: Getty Images / BBC News Brasil

Os voluntários estão autorizados a trazer uma equipe de apoio junto, de acordo com as regras do NPS.

Um bisão pode pesar mais de 900 kg, mas os atiradores devem carregar qualquer carcaça a pé, sem a ajuda de transporte motorizado ou animais de carga.

O evento acontecerá em um terreno acidentado, rochoso e, às vezes, com neve, com elevações superiores a 2.440 metros.

Autoridades dizem que o programa piloto é necessário depois que o rebanho cresceu rapidamente para 600 bisões nos últimos anos. O NPS espera reduzir o rebanho residente em North Rim para cerca de 200 bisões, a fim de reduzir a destruição de sítios arqueológicos nativos americanos, a erosão do solo e a contaminação da água.

Vista aérea do Grand Canyon, no Estado americano do Arizona

Vista aérea do Grand Canyon, no Estado americano do Arizona

Foto: Getty Images / BBC News Brasil

Antes de serem caçados até quase sua extinção no século 19, os bisões (também conhecidos nos Estados Unidos como búfalos) percorriam grande parte do continente. Estima-se que 30 a 60 milhões de bisões foram reduzidos a apenas cerca de 400 no final daquele século.

Mas os ambientalistas dizem que há poucas evidências de que o Grand Canyon era um dos habitats desses animais.

De acordo com historiadores, o rebanho de North Rim foi introduzido na área após a tentativa fracassada de um guarda de fronteira de cruzar bisões com gado no início do século 20.

Fonte: Terra

Deixe uma resposta

Jornais Virtuais