fbpx

Em jogo cheio de emoções, Santos e São Paulo empatam na Vila Belmiro – Esportes



Foi um belíssimo clássico na Vila Belmiro! Em um jogo aberto e com muitas chances de gol, Santos e São Paulo ficaram no empate em 2 a 2 na noite desta sábado (12).


Gabriel Sara marcou duas vezes para o Tricolor, enquanto Madson e Marinho, em falha de Volpi, marcaram para os donos da casa. O resultado acabou sendo satisfatório para os dois, que se mantêm na parte de cima da tabela. O time do Morumbi, subiu para 18 pontos, na 2ª colocação. Já o Peixe, com 15, está em 6º.


As duas equipes agora se concentram na Copa Libertadores, onde têm difíceis desafios no meio de semana. O Santos joga já na terça-feira, contra o Olímpia, novamente na Vila Belmiro. Dois dias depois, o São Paulo recebe o poderoso River Plate no Morumbi.


Início arrasador do Tricolor

O duelo começou de forma eletrizante na Vila Belmiro e, com menos de 5 minutos de jogo, os dois times já haviam finalizado para o gol. O São Paulo assustava mais e foi recompensado aos 7. Luan Peres vacilou e perdeu a bola no campo defensivo. Gabriel Sara aproveitou e bateu cruzado, para abrir o placar.


Empate de cabeça!

O Tricolor seguiu melhor em campo, acumulando chances desperdiçadas. E foi punido aos 29. Sánchez bateu escanteio da direita e Madson subiu mais que os defensores adversários para deixar tudo igual.


E a virada quase veio em duas oportunidades. Aos 32, Luciano quase marcou contra após cobrança de escanteio. Pouco depois, Soteldo puxou contra-ataque, driblou Léo e bateu, obrigando Tiago Volpi a defender em dois tempos.


Sara mais uma vez!

Mas quando o Santos era melhor, foi o São Paulo quem marcou. Aos 37, Igor Vinícius fez bela jogada pela direita e cruzou para Gabriel Sara, que bateu firme para marcar o seu segundo gol no jogo.


Depois de um primeiro tempo eletrizante, a segunda etapa começou com ritmo menos intenso. Tirando a boa chance de Sánchez após erro do zagueiro são-paulino Diego Costa, pouca coisa aconteceu até os 20 minutos, quando Lucas Lourenço arriscou chute de longe e por pouco não empatou o jogo.


Foi quando o técnico Cuca chamou do banco de reservas Marinho, principal jogador do Santos na temporada, mas que foi poupado por causa da desgastante sequência de jogos.



Sem luz!

Quando parecia que o jogo esquentaria, veio um baldo de água fria. Uma parte dos refletores da Vila Belmiro apagou, obrigando o duelo a ficar cerca de 15 minutos parado.


Que isso, Volpi?

Quando a bola voltou a rolar, brilhou a estrela de Marinho. O camisa 11 santista bateu uma falta de muito longe e Tiago Volpi aceitou. Falha do goleiro do São Paulo!


Fim de jogo tenso, mas sem gols

Mesmo com os jogadores cansados, os dois times não abdicaram de atacar. O São Paulo até conseguiu marcar mais uma vez, mas Luciano foi pego em posição de impedimento. Minutos mais tarde, Paulinho Boia arriscou de longe e por pouco não marcou.


Pelo Santos, Marinho tentou mais alguns chutes, mas o clássico ficou mesmo no 2 a 2.


Salah faz 3, e campeão Liverpool vence; Willian brilha pelo Arsenal


Fonte: R7

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!