fbpx

Empoderamento feminino por meio da inteligência financeira foi o tema do papo da live com Denise Damiani – Notas – Glamurama

Dia de falar de finanças e empoderamento. Joyce Pascowitch recebeu a ativista dos direitos da mulher, Denise Damiani. Ela, que é formada em engenharia de sistemas digitais, tem a própria consultoria, escreveu livros e é conselheira de empresas, explicou o conceito de inteligência financeira para mulheres: “Significa entender o que você precisa para ser livre e o que te impede de fazer as coisas que você precisa fazer”.

Sobre suas percepções e a importância do empoderamento feminino por meio da inteligência financeira, Denise revelou: “O que descobri ao longo de todos esses anos conversando com as pessoas e no mundo corporativo é que as mulheres não avançam na sua liberdade normalmente porque não tem dinheiro guardado. Elas geralmente ganham menos que os homens a vida inteira, gastam mais e não sabem nada sobre investimento”, e sugere algumas ferramentas para virar esse jogo: “rodas de conversa entre mulheres são muito importantes, porque todo mundo tem o mesmo problema. A hora que você senta e conversa, vêm a tona coisas que não estavam claras. Uma primeira ferramenta é conversar, a outra é começar a entender como é que o dinheiro tem espaço na tua vida – quanto você ganha e gasta no ano –  e refletir o que quer fazer no ano seguinte”.

Ela ainda frisou a importância de ter uma vida financeira saudável: “Sem seu dinheiro e sem ser dona da sua vida financeira é muito difícil ter liberdade para fazer as coisas que se quer. Para mudar de emprego, você precisa ter 12 meses do que gasta, guardado. Para empreender, tem que ter 3 anos do que gasta guardado”.

Denise tocou também em um ponto delicado para muitas mulheres durante a pandemia, a violência doméstica, e associou esse problema ao empoderamento financeiro: “Tem tudo a ver. Vemos nesses momentos de pandemia que a violência doméstica cresceu muito porque agora os maridos estão dentro de casa e tudo está muito tenso. Em geral, as mulheres, quando descobrem que estão em um relacionamento violento, ainda levam muito tempo para sair, muitas vezes pela questão financeira. O homem violento subjuga a mulher deixando-a sem dinheiro. A violência doméstica já é muito difícil para quem tem dinheiro, para quem não tem é horroroso”. Confira o papo na íntegra abaixo!

 

(function(d, s, id) {
var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0];
if (d.getElementById(id)) return;
js = d.createElement(s); js.id = id;
js.src=”https://connect.facebook.net/pt_BR/sdk.js#xfbml=1&version=v2.4&appId=1409357522615229″;
fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs);
}(document, ‘script’, ‘facebook-jssdk’));

Fonte: Glamurama

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!