fbpx

empresas de pessoas negras são mais afetadas

(Bloomberg) — Pequenas empresas de pessoas negras são duas vezes mais propensas a fechar em meio à pandemia do coronavírus do que pequenas empresas em geral, porque sofrem de vulnerabilidades pré-existentes, de acordo com um estudo divulgado nesta terça-feira pelo Fed de Nova York.

Os dados mostram uma queda de 41% no número de pequenas empresas ativas de proprietários negros, de fevereiro a abril. Sem essa especificação por proprietários negros, a queda foi de 22% no geral, segundo o estudo.

A queda no caso de empresas pertencentes a empresários de origem latina foi de 32%, enquanto aquelas firmas de empresários asiáticos sofreram uma baixa de 17%.

Os motivos encontrados pelo estudo incluem a concentração de empresas de proprietários negros nos estados mais atingidos pela Covid-19, reservas financeiras e relacionamentos bancários mais fracos e um alcance desigual do programa de ajuda emergencial do governo.

“Isso nos mostra que é necessário um foco geográfico especial nos lugares mais atingidos e mais carentes”, disse Claire Kramer Mills, vice-presidente assistente do Fed de Nova York. “As disparidades raciais nos relacionamentos bancários anteriores à Covid-19 detalhadas aqui levantam questões estruturais sobre a presença e o funcionamento dos bancos em comunidades negras.”

Os efeitos econômicos da pandemia de coronavírus atingiram fortemente as pequenas empresas, de acordo com dados do Yelp, indicando que mais da metade dos fechamentos temporários no início da Covid-19 agora são permanentes.

O PPP, um programa de empréstimos destinado a fornecer alívio a pequenas empresas e que deve expirar em 8 de agosto foi criticado por uma distribuição desigual que favoreceu regiões predominantemente brancas do país.

Os pesquisadores utilizaram dados epidemiológicos dos casos de Covid-19, dados censitários sobre locais de negócios, dados geográficos sobre o PPP e números sobre a saúde financeira das pequenas empresas da Pesquisa do Fed de Crédito para Pequenas Empresas.

Newsletter InfoMoney
Informações, análises e recomendações que valem dinheiro, todos os dias no seu email:

Fonte: Infomoney

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!