fbpx

EUA batem recordes de mortes e contágios por Covid em 24 horas

Os Estados Unidos voltaram a bater novos recordes de casos e mortes diárias em 24 horas, informou a Universidade Johns Hopkins nesta quinta-feira (17). Foram 3.656 óbitos e 247.357 contágios no período, os maiores dados desde o início da pandemia em março.

Memorial pelas vítimas da Covid-19 em Washington

Foto: EPA / Ansa – Brasil

Com isso, o país contabiliza 16.979.777 diagnósticos positivos e 307.501 óbitos – líder mundial em valores absolutos.

Na questão dos falecimentos, os recordes anteriores eram dos dias 3 de dezembro (3.157) e 10 do mesmo mês (3.124). Já as contaminações são maiores do que nos dias 11 (233.133) e 4 deste mês (229.573).

Os dados elevadíssimos são também reflexo do feriado do Dia de Ação de Graças, celebrado no fim de novembro, e que provocou a viagem de milhares de pessoas – mesmo contra as recomendações médicas.

Outro dado preocupante é quantidade de pessoas internadas, que não para de aumentar. Segundo as informações do “The Covid Tracking Project”, há 113.069 hospitalizações, sendo que 21.936 pacientes estão em unidades de terapia intensiva e 7.778 respirando com ajuda de equipamentos mecânicos.

Os altos números ocorrem em um momento que o país autorizou o uso emergencial da vacina da Pfizer com o laboratório alemão BioNTech, já iniciada em vários estados, e deve aprovar nesta quinta-feira a liberação de outro imunizante, o desenvolvido pelo laboratório Moderna. .
   

Veja também:

As estranhas ‘ondas circulares de rádio’ captadas no espaço que intrigam cientistas

Ansa - Brasil
  

  • separator

Fonte: Terra

Deixe uma resposta

Jornais Virtuais