fbpx

EUA: Supremacista é 1° pessoa executada pela justiça em 17 anos – Mundo

Reprodução

Supremacista branco

O supremacista branco Daniel Lewis Lee, de 47 anos, foi executado por assassinar uma família do Arkansas na década de 1990. A decisão histórica foi anunciada pelo Departamento de Justiça dos Estados Unidos, após a autorização da Suprema Corte. A execução de Daniel Lewis Lee é a 1° em 17 anos. O supremacista branco morreu por injeção letal na prisão federal em Terre Haute, Indiana.

Antes de morrer, Daniel disse: “Eu não fiz isso (…) Cometi muitos erros na minha vida, mas não sou um assassino. Você está matando um homem inocente”, disse.

A execução de Daniel Lee ocorreu após uma série de reviravoltas legais que terminaram quando a Suprema Corte permitiu que ela seguisse em frente. Daniel Lewis Lee foi o primeiro detento federal executado nos Estados Unidos desde 2003.

Ele havia sido condenado em 1999, no Arkansas, pelo assassinato de William Mueller, um traficante de armas, sua esposa, Nancy, e a filha do casal, Sarah Powell, que tinha 8 anos.

Nos Estados Unidos, a lei diz que os julgamentos são em nível estadual, exceto quando os crimes são de cunho mais grave, como ataques terroristas ou crimes de ódio, como foi o caso de Daniel.

Fonte: Google News

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!