fbpx

Everton Cebolinha nega decepção por permanência no Grêmio

Sondado por diversos clubes europeus durante a janela de transferências, Everton acabou permanecendo no Grêmio. O atacante de 23 anos foi alvo de propostas do Beijing Guoan, da China, e do Milan, da Itália, porém os valores não agradaram à diretoria do clube gaúcho, que as recusou. Em entrevista coletiva, Cebolinha negou estar frustrado por não ter sido negociado com alguma equipe do exterior.

Saída de Everton foi especulada durante a janela de transferências (Foto: Lucas Uebel/Grêmio)

Foto: Gazeta Esportiva

“Muito pelo contrário, no momento que eu fosse sair, teria que ser algo bom para o clube e para mim. Foi algo que não agradou nenhuma das duas partes. Creio que não tenha porque ficar ansioso ou questionando. Todas as coisas acontecem no momento certo”, declarou o jogador.

Everton ainda falou sobre o retorno de Neymar à Seleção Brasileira após a lesão que o tirou da Copa América, disputada no Brasil. Nesta sexta-feira (6), o camisa 10 fez um gol e deu uma assistência no empate contra a Colômbia, em Miami.

“Pude me preparar bem e fazer um bom trabalho na ausência dele. Mas ele é indispensável, um cara que é o líder técnico, talvez nossa maior qualidade dentro do Brasil, dentro da Seleção. Que ele possa dar a volta por cima e mostrar o que sabe”, completou Cebolinha, que ficou de fora da convocação por conta das disputas da Copa do Brasil e da Libertadores pelo Tricolor.

Agora, o atacante tenta ajudar o Grêmio a conquistar os três pontos na 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. Neste domingo (8), às 11h (de Brasília), o Imortal visita o Cruzeiro no Mineirão, em Belo Horizonte.

Gazeta Esportiva
Gazeta Esportiva

  • separator

Fonte: TERRA

Jornais Virtuais