fbpx

F1 – Bomba! Alonso recusou substituir Gasly na Red Bull | Autoracing | F1 | Indy | MotoGP

sexta-feira, 16 de agosto de 2019 às 18:09

Fernando Alonso

O jornal espanhol Mundo Deportivo relatou que a Red Bull pediu a Fernando Alonso para substituir Pierre Gasly antes de nomear Alex Albon como substituto do francês!

Houve inúmeros relatos ligando o espanhol a um retorno da Formula 1, mas este poderia ser o mais sensacional de todos, já que a publicação espanhola disse que o bicampeão mundial da F1 foi a primeira escolha da Red Bull para se juntar a Max Verstappen.

Alonso se aposentou da F1 no final da temporada passada e não tem contrato atual para correr.

O Mundo Deportivo também sugere que a Red Bull estava pensando em tirar o francês desde o GP da Áustria, já que ele terminou mais de uma volta atrás do vencedor da corrida, Verstappen.

Albon fará sua estréia na Red Bull na Bélgica em duas semanas, com Gasly retornando à Toro Rosso pelas nove corridas restantes da temporada.

Exatamente o que disse o Mundo Deportivo?
Esperando pelo seu próximo destino ser conhecido, que poderia ser o Dakar, nas últimas semanas soou a possibilidade muito forte de ir para a Red Bull. Foi dito que o entorno do asturiano o teria oferecido à equipe de bebidas energéticas. Mas na verdade não foi nada disso. Nesse caso, a ordem dos fatores é importante. Não foi Fernando que se ofereceu à Red Bull, mas foi a equipe liderada por Christian Horner que se interessou pelo bicampeão espanhol.

Especificamente, foi no último GP da Grã-Bretanha. A Red Bull contatou o entorno do asturiano em Silverstone para oferecer a ele o lugar de Pierre Gasly, mas a resposta do espanhol não foi outra senão um retumbante ‘não’ . O espanhol não quis voltar para a F1 para uma equipe que não garante lutar pelo título mundial logo no primeiro ano, ou retornar a uma categoria que ainda é muito previsível e em que as grandes equipes estão muito à frente do resto. E ele mesmo, também referindo-se às muitas notícias sobre um suposto interesse em pousar na Ferrari, disse semanas atrás que nunca esperou uma oferta para retornar à F1.

“Eu tenho uma ideia clara do que vou fazer, não deixo portas abertas, não estou esperando ou procurando alguém me ligar. Sempre escolhi onde e quando queria correr, porque mudo com base no que me faz feliz”, disse o espanhol. E agora, todos continuam esperando o anúncio oficial do futuro mais próximo. Poderia ser uma aventura no Dakar, e é precisamente sobre isso que o espanhol deixou uma mensagem enigmática ontem em suas redes: “Acreditamos que se algo te assusta, mas te faz feliz, então você deve fazê-lo. Essa é a essência da aventura, e a vida é uma aventura muito importante.”

Alonso, o sonho que a Red Bull não consegue cumprir
O novo interesse frustrado da Red Bull se soma àqueles que já ocorreram nas temporadas anteriores. O espanhol disse no ano passado que recebeu “algumas ofertas da Red Bull” que poderiam ter permitido que ele continuasse na F1. “Na verdade eu as tive em 2007, 2009, 2011 e 2013 e duas neste ano, uma em Mônaco e outra em agosto”, disse ele no ano passado depois que a Red Bull disse que foi o espanhol que propôs sua candidatura, algo que Fernando logo rechaçou a pediu que a equipe baseada em Milton Keynes se desculpasse.

Decisão apressada após recusa de Fernando
Este cruzamento de declarações parecia pouco importar para uma Red Bull em apuros com a situação de Gasly, uma vez que se interessaram novamente por Alonso. Todos, por terem sido vítimas de suas próprias armadilhas: terem sido muito duros e queimados com sua pressa e enorme pressão sobre suas jovens estrelas nos últimos anos, ficando sem tropas de qualidade para substituir Pierre. Dada a recusa do espanhol e sua crise em seu programa de jovens pilotos ou sua má gestão de seus talentos (como deixar escapar um Carlos Sainz que atualmente brilha na McLaren), eles foram forçados a tomar outra decisão precipitada indo até Albon em seu primeiro ano na F1 para a Red Bull.

AS – www.autoracing.com.br

Tags
alonso dakar, alonso lugar gasly, alonso recusa red bull, alonso red bull, f1 2019, fernando alonso, formula 1 2020, red bull alonso

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.

!function(f,b,e,v,n,t,s){if(f.fbq)return;n=f.fbq=function(){n.callMethod?
n.callMethod.apply(n,arguments):n.queue.push(arguments)};if(!f._fbq)f._fbq=n;
n.push=n;n.loaded=!0;n.version=’2.0′;n.queue=[];t=b.createElement(e);t.async=!0;
t.src=v;s=b.getElementsByTagName(e)[0];s.parentNode.insertBefore(t,s)}(window,
document,’script’,’https://connect.facebook.net/en_US/fbevents.js’);
fbq(‘init’, ‘1394990003897405’); // Insert your pixel ID here.
fbq(‘track’, ‘PageView’);
(function(d, s, id) {
var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0];
if (d.getElementById(id)) return;
js = d.createElement(s); js.id = id;
js.src = “http://connect.facebook.net/pt_BR/all.js#xfbml=1”;
fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs);
}(document, ‘script’, ‘facebook-jssdk’));

Fonte: R7

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!