F1 – Duas equipes foram contra corridas classificatórias com grid invertido | Autoracing | F1 | Indy | MotoGP

domingo, 27 de outubro de 2019 às 13:22

Ross Brawn

Determinados a apimentar – ou emburrecer, dependendo do ponto de vista de cada um – as disputas na F1, os proprietários da categoria procuravam mudar o formato da definição de grid em três eventos na próxima temporada: os GPs da França, da Bélgica e da Rússia.

A ideia era fazer uma corrida classificatória com grid invertido. No entanto, embora a maioria das equipes fosse a favor da ideia, duas delas se opuseram e, com a unanimidade necessária, a proposta foi rejeitada.

“O atual sistema de governança significa que precisamos de unanimidade para levar as decisões até o próximo ano”, disse o diretor geral da F1, Ross Brawn, de acordo com o site oficial da F1. “As equipes inicialmente disseram que concordariam com isso e, em seguida, duas delas levantaram a mão na última reunião e disseram que não concordariam”.

“Queríamos experimentar em um pequeno número de corridas em 2020, um formato diferente onde, num sábado, era um formato de grid invertido baseado na ordem do campeonato e que determinaria a ordem do grid para a corrida final”, explicou.

“Pensei que era uma competição fascinante”, admitiu. “Os pilotos estavam um pouco nervosos, o que compreendo, mas estávamos apenas pedindo a oportunidade de três corridas para experimentar o formato”.

“Se não funcionar, levantamos as mãos; se funcionar, ótimo. Se for algo intermediário, podemos trabalhar com isso só para nos ajudar a desenvolver o formato das corridas, e é frustrante que não o tenhamos conseguido fazer, mas penso que esse é, infelizmente, o problema clássico da F1”, concluiu Brawn.

Clique AQUI para apostar no GP do México

EB – www.autoracing.com.br

Tags
comentarios f1, f1, f1 melhor site, formula 1, ross brawn

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.

!function(f,b,e,v,n,t,s){if(f.fbq)return;n=f.fbq=function(){n.callMethod?
n.callMethod.apply(n,arguments):n.queue.push(arguments)};if(!f._fbq)f._fbq=n;
n.push=n;n.loaded=!0;n.version=’2.0′;n.queue=[];t=b.createElement(e);t.async=!0;
t.src=v;s=b.getElementsByTagName(e)[0];s.parentNode.insertBefore(t,s)}(window,
document,’script’,’https://connect.facebook.net/en_US/fbevents.js’);
fbq(‘init’, ‘1394990003897405’); // Insert your pixel ID here.
fbq(‘track’, ‘PageView’);
(function(d, s, id) {
var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0];
if (d.getElementById(id)) return;
js = d.createElement(s); js.id = id;
js.src = “http://connect.facebook.net/pt_BR/all.js#xfbml=1”;
fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs);
}(document, ‘script’, ‘facebook-jssdk’));

Fonte: R7

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: