Falta de agressividade no setor ofensivo provoca cobranças no Atlético-MG

A falta de gols no empate com o Goiás, domingo, no Serra Dourada, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro, provocou cobranças por mais agressividade no setor ofensivo do Atlético Mineiro. Após o 0 a 0, o técnico Rodrigo Santana cobrou evolução nesse quesito para o time brigar pelas primeiras posições do torneio nacional.

A falta de um volume maior de jogo no ataque e também a dificuldade para fazer gols já haviam sido sentidos na quarta-feira, quando o time derrotou o Botafogo por 1 a 0, no Engenhão, no jogo de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana, mas deixou a impressão de ter desperdiçado a oportunidade de conseguir uma vantagem ainda melhor, pois o adversário teve um jogador expulso.

“Em termos de organização, principalmente sem a bola, eles foram muito bem. A equipe está criando um equilíbrio muito grande, jogando dentro e fora de casa com mais ou menos o mesmo padrão. Isso me chamou atenção. Mas a gente ainda precisa ser mais agressivo na fase final do jogo. Quando chega no último terço do campo, a gente precisa ser mais decisivo e escolher as melhores opções para fazer mais gols”, disse o treinador.

Como afirmou Santana, o Atlético-MG tem desempenho similar no Brasileirão com mando de campos diferentes. O time somou 11 pontos em casa e dez como visitante. Mas a força do Goiás quando atua em casa – são 13 pontos em seis jogos -, foi usado pelo treinador para avaliar que o empate no Serra Dourada não foi um resultado tão ruim para o time.

“No início do jogo, a gente não tinha encaixado a marcação, o Goiás teve mais volume e foi a partir dos 25 minutos que conseguimos equilibrar a partida. Já vi outro jogo no segundo tempo, encaixamos a marcação e tivemos chances mais claras de gol. Poderíamos até ter saído com a vitória pelo segundo tempo. O Goiás teve algumas chances, mas de fora da área, e, no finalzinho, tiveram uma chance grande de gol. A gente veio para buscar a vitória, mas temos que agradecer esse empate fora de casa. O Goiás vem muito forte em casa durante o ano inteiro e, para a gente, esse empate foi importante”, afirmou.

Com 21 pontos, o Atlético-MG é o quarto colocado do Brasileirão. O time voltará a jogar na quarta-feira, mas pela Sul-Americana, quando receberá o Botafogo, no Independência, para o duelo de volta das oitavas de final.

  • separator

Fonte: TERRA

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: