fbpx

Fique por dentro – elaborado do zero, ao vivo e de forma coletiva na Sala Vip do concurso PC-DF

Prof. Raphael Reis chegando na área para trazer mais um modelo de redação para inspirar seus estudos. Após sucesso da primeira experiência, realizada na sala Vip do concurso da PC-PR, repetimos a metodologia: fizemos no dia 17/06/2020, na Sala Vip de redação para o concurso da PC-DF, uma redação sobre FEMINICÍDIO do zero, ao vivo e coletivamente.

Os alunos que participaram sugeriram palavras-chave, argumentos e montaram o projeto de redação. Assim, fica muito mais fácil desenvolver bons textos e ficar mais seguro na hora de escrever, não é mesmo? Vamos conferir o resultado 😉

Modelo de redação sobre Feminicídio

Tópicos:

  1. Causas do comportamento agressor masculino
  2. O papel da polícia no atendimento à mulher vítima de violência
  3. Ações que o Estado deve adotar para garantir tratamento humano às mulheres vítimas de violência

Na sociedade brasileira, é notório o crescimento de casos de violência contra as mulheres, o que pode ser observado nos noticiários. Dessa forma, é importante discutir a igualdade de gênero e políticas públicas de proteção às mulheres vítimas de violência, para que se possa efetivar o princípio constitucional da dignidade humana.

Em primeira análise, cabe ressaltar as causas que levam os homens agredirem as mulheres. Nessa perspectiva, o passado histórico fundamentado na família patriarcal foi incorporado por alguns homens em suas socializações, manifestando, assim, o machismo, ou seja, comportamento no qual o homem acredita ter posse da sua companheira. Isso pode ser visto no fato de que o feminicídio, na maioria dos casos, é causado por companheiros ou ex-companheiros.

Além disso, os policiais possuem papel essencial na garantia de direitos. A partir disso, é válido destacar que a mulher vítima de agressão deve ser acolhida por meio da humanização do atendimento, conforme dispõe a Lei Maria da Penha. Dessa forma, os órgãos de segurança pública concretizam a sua função de assistência ao cidadão, conforme destaca o especialista Ricardo Balestreri.

Por fim, para superar essa realidade de agressões às mulheres e conseguir consolidar a igualdade de direitos entre homens e mulheres, é necessário que o Estado amplie as delegacias especializadas, para garantir atendimento humanizado às mulheres vítimas de violência. Outrossim, o Estado deve reunir serviços de acolhimentos, com o objetivo de proporcionar apoio psicossocial.

YouTube: Professor Raphael Reis

Telegram: profraphaelreis e discursivasparaconcursos

Instagram: @profraphaelreis

Site: professorraphaelreis.com.br

Lista de E-mail

Quem sou eu? Sou o Professor Raphael Reis. Para quem ainda não me conhece, fica aqui uma breve apresentação: sou Professor do Estratégia Concursos desde 2016 e leciono os seguintes conteúdos: Redação (macroestrutura), Recursos, História, Filosofia e Sociologia.

Fiz minha graduação em História (UFJF), especialização em Políticas Públicas e Gestão Social (UFJF) e mestrado em Sociologia da Educação (UFJF).

Nos últimos anos tenho me especializado na parte de macroestrutura da
redação. Ao perceber que a grande dificuldade dos candidatos é desenvolver argumentos bem fundamentados, criei o curso inédito e inovador de Ciências Humanas para Redação, que já atendeu milhares de alunos e têm contribuído decisivamente para a melhoria das notas. Sou autor do e-book 15 conceitos para mandar bem na redação da FCC e editor da revista de atualidades Centro do Mundo.



Créditos:

Estratégia Concursos

Acesse também o material de estudo!

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!