fbpx

Fique por dentro – Estatística de cobrança para SEFAZ-ES 2021: Saia na frente

Nessa análise estatística saiba quais assuntos por matéria possuem maior probabilidade de cobrança para o concurso da SEFAZ-ES

Olá, caros corujas! Tudo bem?

O edital da SEFAZ-ES está publicado na praça e as provas para Auditor Fiscal Estadual estão agendadas para serem realizadas no dia 29/08/2021.

Em vista disso, o Estratégia disponibilizou uma relevante análise estatística relativa a banca FGV, mais especificamente em relação a cada assunto por matéria, de acordo com a programação de aulas do curso SEFAZ-ES (Auditor Fiscal) Pacote Completo – 2021 (Pós-Edital).

Essa análise servirá como base de informação para que o candidato possa direcionar seus estudos nos assuntos mais importantes e com maior tendência de cair no certame da SEFAZ-ES.

Todavia, é fato que os candidatos precisam estar afiados em todas matérias, já que, via de regra, a concorrência em concursos é elevada, e tende a aumentar no decorrer dos anos.

De modo geral, o concursando dificilmente conseguirá perpassar por todos os assuntos do edital com a devida profundidade, comumente em função do tempo disponível e da grande quantidade de conteúdos cobrados.

Por isso, faremos uma estatística de cobrança dos assuntos por matéria de concursos aplicados pela FGV nos últimos anos e nas seguintes áreas: Fiscal, Controle e Tribunais.

O material serve de base para que o candidato possa administrar melhor sua estratégia de estudo, possibilitando priorizar um assunto mais relevante em detrimento de outros, se assim considerar necessário.

É importante que os alunos mais avançados façam uma ponderação entre priorizar o que é mais exigido nas provas e priorizar as deficiências de conteúdo; pois assuntos já memorizados podem ocupar o tempo de outros que poderiam ser aprimorados.

 Dito isso, vamos para a estatística de cobrança para a SEFAZ-ES.

Estatística de cobrança do concurso SEFAZ-ES 2021

O edital do concurso SEFAZ-ES 2021 trouxe o número de questões por disciplina que serão cobradas na prova objetiva e os respectivos pesos. Por isso, a partir dessas informações podemos aferir a proporção relativa de cada disciplina em face do total de pontos, conforme segue:

Estatística de cobrança para SEFAZ-ES

Reparem que as duas disciplinas com maior relevância são Direito Tributário e Legislação Tributária do Espírito Santo, juntas somam 35,2% do total de pontos da prova.

Em seguida, temos Contabilidade Avançada e de Custos, Tecnologia da Informação aplicada à Auditoria Tributária e Auditoria Tributária, as quais representam outros 35,2% do total de pontos.

As matérias supracitadas correspondem às questões de Conhecimentos Específicos, que perfazem 70,6% do total de pontos da prova objetiva.

Enquanto que em relação às questões de Conhecimentos Gerais, as disciplinas com maior representatividade são Língua Portuguesa e Contabilidade Geral, que juntas somam 11,8% do total de pontos da prova.

Percebam que a pontuação total de questões de Conhecimentos Gerais, representa 29,4% da prova. Mas não se deixe enganar com esse percentual, pois as questões gerais são tão importantes quanto as específicas e são aquelas que separam os candidatos melhores classificados, daqueles que ficarão para trás.   

Português

Foram analisadas 260 questões de Português da banca FGV, nas áreas Fiscal e Controle.

A partir do gráfico abaixo, é possível notar que “Interpretação e compreensão de texto; Tipos de textos; Modos de organização discursiva: descrição, narração, exposição e argumentação; Características básicas dos textos”, foram os assuntos mais cobrados e representaram 44,62% do total da amostra.

Percebam que quase metade das questões corresponderam a uma única aula do curso (aula 11).

Em seguida, os assuntos “Sintaxe: processos de coordenação e subordinação; Colocação pronominal; semântica e Classes de palavras (verbo; preposição e conjunção; artigo, substantivo, adjetivo, numeral, pronome, advérbio e interjeição) ” somaram outros 40% do conjunto de questões e também possuem grande relevância para a matéria.

Estatística de cobrança para SEFAZ-ES

Raciocínio Lógico e Matemática Financeira

Em Raciocínio Lógico e Matemática Financeira, foram selecionadas 86 questões, nas áreas Fiscal e Controle.

Podemos destacar 4 assuntos com grande incidência, são os seguintes:

  • Estruturas Lógicas;
  • Juros Compostos;
  • Análise de Investimentos;
  • Operações de Desconto; Sistema de Amortização e;
  • Equivalência de Capitais.

Esses assuntos somaram juntos 75,58% do total da nossa amostra.

Estatística de cobrança para SEFAZ-ES

Tecnologia da Informação Aplicada à Auditoria Tributária

Quanto à estatística de cobrança da disciplina de TI para a SEFAZ-ES, foram analisadas 68 questões, nas áreas Fiscal e Controle.

Os assuntos mais importantes e com maior incidência foram:

  • Conceito de Sistemas Gerenciadores de Banco de Dados (SGBD);
  • Noções básica de Linguagem SQL, Operadores Condicionais;
  • Ordenação;
  • Agrupamento;
  • Junções (JOINS);
  • Metodologias de desenvolvimento de software e;
  • Sistemas de gestão de segurança da informação.

Esses assuntos representaram 64,71% do conjunto amostral e estão distribuídos entre seis aulas do curso (aulas 0, 6, 7, 9, 10 e 14).

Estatística de cobrança para SEFAZ-ES

Contabilidade Geral e Avançada

Para as disciplinas de Contabilidade Geral e Avançada, foram analisadas 128 questões, nas áreas Fiscal e Controle.

Os assuntos que mais se destacaram foram:

  • Demonstrações Contábeis: aspectos gerais.
  • Balanço Patrimonial;
  • Contas;
  • DRE e;
  • Contabilidade: Conceito, objetivos, campo de atuação e usuários da informação contábil.

Estes representaram 44,53% do total de questões analisadas, sendo que a aula 5 possuiu o maior custo-benefício, com 22,66% de incidência do conjunto amostral.

Estatística de cobrança para SEFAZ-ES

Contabilidade de Custos

Em Contabilidade de Custos, analisamos 99 questões de diversas áreas.

Nessa disciplina, os assuntos mais relevantes se concentraram nas aulas 0 e 4 do curso, correspondendo a 62,62% do total da amostra. Como os assuntos foram divididos em poucas aulas, há um ótimo custo benefício no estudo dessa disciplina.

As questões versaram sobre:

  • Custo: conceito, nomenclaturas aplicáveis à contabilidade de custos, classificação de custos e despesas, sistemas de custeio, formas de produção, métodos de custeio e sistemas de controle de custo.
  • Margem de contribuição.
  • Análises das relações custo/volume/lucro.
  • O ponto de equilíbrio contábil, econômico e financeiro.
  • Custeio baseado em atividades.
  • ABC – Activity Based Costing.
Estatística de cobrança para SEFAZ-ES

Direito Constitucional

Em relação a Direito Constitucional, foram selecionadas 161 questões, nas áreas Fiscal e Controle.

Aqui o candidato vai precisar perpassar o estudo por mais assuntos, pois a distribuição de assuntos apresentou uma proporção relativamente homogênea entre as questões, sendo aqueles com cobrança mais significativa:

  • Sistema Tributário Nacional.
  • Repartição de receitas tributárias;
  • Poder Legislativo;
  • Orçamento e Finanças públicas;
  • Administração Pública, disposições gerais e servidores públicos civis.
  • Organização do Estado: Organização Político-Administrativa
  • Federalismo no Brasil e;
  • Intervenção nos Estados e Municípios.
Estatística de cobrança para SEFAZ-ES

Direito Administrativo

Seguindo com nossa estatística de cobrança para a SEFAZ-ES, na disciplina de Direito Administrativo, foram utilizadas 618 questões, nas áreas Fiscal, Controle e Tribunais, no período compreendido entre 2013 a 2021.

Aqui é importante salientar que o edital previu tanto a cobrança da antiga Lei n° 8.666/1993, como a Nova Lei de Licitações (Lei n° 14.133/2021). Como esta foi publicada recentemente, ainda não há histórico de cobrança pela banca, mas o candidato certamente deve dar atenção a ela.

Os demais assuntos que o candidato não deve deixar de lado e representaram 57,6% do conjunto de questões foram:

  • Licitação – Lei n° 8.666/1993, considerando as regras da Lei n° 13.979/2020;
  • Atos administrativos;
  • Responsabilidade Civil do Estado;
  • Organização Administrativa
  • Administração Direta e Indireta;
  • Serviços Públicos
  • Poderes Administrativos
Estatística de cobrança para SEFAZ-ES

Direito Empresarial

No que tange ao Direito Empresarial, analisamos 56 questões, nas áreas Fiscal, Controle e Tribunais.

A maior parte das questões (66,13%) corresponderam às aulas 1, 2, 4, 5 e 9.

O candidato pode focar seus estudos principalmente nos seguintes assuntos:

  • Registro;
  • Escrituração;
  • Preposto;
  • Estabelecimento;
  • Direito societário, conceito e classificação das Sociedades;
  • Nome empresarial;
  • Sociedade em Comum, Sociedade em Conta de Participação, Sociedade em Nome Coletivo, Sociedade em Comandita Simples, Sociedade em Comandita por Ações e Sociedade Cooperativa;
  • Títulos de crédito;
  • Sociedade Anônima.
Estatística de cobrança para SEFAZ-ES

Direito Civil

Na matéria de Direito Civil, a análise deu-se com 168 questões, nas áreas Fiscal, Controle e Tribunais.

A banca não deixou escapatória para o candidato, os assuntos foram bem distribuídos entre as questões, exigindo uma boa noção geral da disciplina.

Direito Penal

Quanto à estatística de cobrança da disciplina de Direito Penal para a SEFAZ-ES, foram analisadas 159 questões da FGV, nas áreas Fiscal, Controle e Tribunais.

Assim como em Contabilidade de Custos, a matéria de Direito Penal possui uma quantidade menor de aulas em relação às demais disciplinas.

Nessa matéria, estudando-se 4 aulas, serão abrangidas 71,7% do total de assuntos da amostra, são os seguintes:

  • Crimes contra a administração pública (parte 1): Crimes praticados por funcionário público contra a administração em geral;
  • Teoria do crime (parte I): conceito e espécies; Fato típico Relação de causalidade; Dolo e culpa; Consumação e tentativa; Antijuricidade (ilicitude);
  • Teoria do crime (parte II): culpabilidade; Exclusão da culpabilidade.
  • Extinção da punibilidade.

Direito Tributário

Em Direito Tributário, tivemos a análise de 186 questões da FGV, nas áreas Fiscal e Controle.

Nessa disciplina, o candidato certamente deve priorizar o estudo de Impostos dos Estados em detrimento dos Impostos Municipais, que não costumam cair em provas de Fiscos Estaduais.

Desse modo, os assuntos mais queridos da banca são:

  • Impostos dos Estados
  • Repartição das Receitas Tributárias
  • Das Limitações do Poder de Tributar: Princípios e imunidades;
  • Competência Tributária
  • Impostos da União
  • Legislação Tributária
  • Extinção do Crédito Tributário
  • Garantias e Privilégios do Crédito Tributário
  • Administração Tributária

Legislação Tributária

Na disciplina de Legislação Tributária, utilizamos 48 questões da FGV, nas áreas Fiscal e Controle.

Note que a Lei n°7.000/001, que dispõe sobre o Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação – ICMS, deve ser a principal Lei que o candidato deve ter guardada em seu coração, representando 56,25% de todas as questões da disciplina.  

Seguida da Lei Kandir e Lei n°10.011/13, esta que dispõe sobre o Imposto sobre Transmissão Causa Mortis e Doação de Quaisquer Bens ou Direitos (ITCMD).

Auditoria Tributária

Finalmente, em Auditoria, analisamos 77 questões da FGV, nas áreas Fiscal e Controle.

Para conseguir bons resultados nessa disciplina, o candidato pode se utilizar das aulas 0, 2, 3, 4 e 5. Com o estudo dessas aulas, o candidato estará perpassando pelos principais assuntos, que juntos representam 74,02% do total das questões da amostragem.

Os assuntos que mais se destacaram foram:

  • Conceitos iniciais de auditoria;
  • Procedimentos de auditoria;
  • Planejamento de auditoria;
  • Documentação de auditoria;
  • Materialidade, relevância e risco;
  • Identificação de fraudes na escrita;
  • Amostragem em auditoria;
  • Controle de qualidade.

Considerações Finais – Estatística de cobrança para SEFAZ-ES

Finalizamos aqui a análise estatística de cobrança para o SEFAZ-ES, lembrando que o objetivo desse artigo é fornecer ferramentas ao candidato, para que este possa planejar sua estratégia de estudo com maior eficiência, eficácia e produtividade.

Saia na frente com o time de especialistas do Estratégia, através do curso SEFAZ-ES (Auditor Fiscal) Pacote Completo – 2021 (Pós-Edital).

Desejo bons estudos e boa sorte na prova!

Abraços,

Nicolau Gordeeff

Cursos e Assinaturas

Prepare-se com o melhor material e com quem mais aprova em Concursos Públicos em todo o país!

Assinatura de Concursos

Assinatura de 1 ano ou 2 anos

Sistema de Questões

Assinatura de 1 ano ou 2 anos

Concursos Abertos

mais de 15 mil vagas

Concursos 2021

mais de 17 mil vagas

Créditos:

Estratégia Concursos

Acesse também o material de estudo!

Deixe uma resposta

Jornais Virtuais