fbpx

Flamengo aposta na rotatividade e mostra força no início da maratona de jogos em maio; veja calendário

Pedro, Michael e Vitinho se destacaram em vitória no Carioca (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Foto: Lance!

Nova partida, nova escalação e nova vitória. Essa tem sido a tônica do Flamengo nas últimas semanas. Neste sábado, o clube rubro-negro – com um time majoritariamente reserva – derrotou o Volta Redonda por 3 a 0, no Raulino de Oliveira, e deu um grande passo para garantir uma vaga na decisão do Campeonato Carioca.

Dos onze escolhidos por Rogério Ceni para iniciar a partida de ida das semifinais, apenas três haviam sido titulares na partida anterior contra o Unión La Calera: Diego Alves, Willian Arão e Everton Ribeiro. O restante da equipe foi poupado e deu espaço a jogadores que vinham recebendo menos minutagem. E, no fim das contas, a estratégia se mostrou acertada.

Além de poupar atletas importantes para o jogo contra a LDU na próxima terça-feira, Rogério Ceni aproveitou para rodar o elenco e recuperar a confiança de alguns que vinham sendo questionados. É o caso da dupla Michael e Vitinho, que – ao lado de Pedro – foram destaques na vitória sobre o Volta Redonda.

Após a partida, o treinador comentou sobre a importância da rotatividade e o ganho de opções no elenco, principalmente em meio à maratona intensa de jogos do Carioca e da Libertadores.

Pedro marcou os três gols do Flamengo na vitória (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Pedro marcou os três gols do Flamengo na vitória (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Foto: Lance!

– Em determinados momentos vamos fazer trocas, alterações de um jogo para outro. Vamos jogar com uma equipe mesclada, e vamos conseguir bons resultados. É importante para jogadores como Michael e Vitinho. Michael fez duas jogadas com assistência para gol. Observamos jovens como Hugo Moura, que entrou hoje, o João Gomes fez boa partida. Matheuzinho e Renê vêm jogando mais. Isso serve para que eles tenham ritmo de jogo e, para no momento em que precisarmos, eles estejam prontos para fazer bons jogos como fizeram hoje.

O confronto deste sábado foi apenas o primeiro de possivelmente nove jogos que o Flamengo fará em maio. Até o fim deste mês decisivo, a equipe disputará o restante da fase de grupos da Libertadores – com direito a duas viagens -, além da reta final do Estadual e da estreia no Campeonato Brasileiro. Confira o calendário:

04/05 – LDU x Flamengo – 3ª rodada da Libertadores

08/05 – Flamengo x Volta Redonda – Semifinal do Carioca

11/05 – Unión La Calera x Flamengo – 4ª rodada da Libertadores

15/05 – Final do Carioca*

19/05 – Flamengo x LDU – 5ª rodada da Libertadores

22/05 – Final do Carioca*

27/05 – Flamengo x Vélez Sarsfield – 6ª rodada da Libertadores

30/05 – Flamengo x Palmeiras – 1ª rodada do Brasileirão

* caso confirme a classificação contra o Volta Redonda

Flamengo voltará a enfrentar a altitude de Quito (RODRIGO BUENDIA/AFP)

Flamengo voltará a enfrentar a altitude de Quito (RODRIGO BUENDIA/AFP)

Foto: Lance!

Após a vitória sobre o Volta Redonda, o Flamengo volta as atenções para a LDU e a altitude de 2.850 metros em Quito, no Equador. O confronto válido pela terceira rodada da Libertadores será na terça-feira, às 21h30 (de Brasília) e terá transmissão em Tempo Real do LANCE!.

Fonte: Terra

Deixe uma resposta

Jornais Virtuais