fbpx

Galvão Bueno dá o que falar durante transmissão de jogo da Seleção


Mais do que narrador, Galvão Bueno é um dos maiores torcedores da Seleção Brasileira. E o fato de ser tão apaixonado pelo Brasil e colocar tanta emoção, rendeu vários comentários nas redes sociais nesta quinta-feira (27).


O juiz da partida entre Brasil e Paraguai, pela Copa América, marcou muitas faltas durante o jogo. Em determinado momento, Galvão se irritou:


“Tô pra dizer para vocês que tomei ódio do juiz… ele apita toda hora”, disse.


Os internautas também criaram memes sobre cada lance de falta do Brasil, em que Galvão há vários jogos tem repetido frequentemente:


“O Brasil não marca gol de falta desde 2014, será que é agora?”, porém não foi dessa vez de novo.


Além dos tradicionais bordões, como “haja coração, meu amigo” e “é teste para cardíaco”, que não faltaram, o pessoal da Web se divertiu com a indignação com o árbitro de vídeo: “o VAR virou bagunça”; e com os diversos elogios a Éverton Cebolinha.


No Show do Intervalo, Galvão foi surpreendido com a imitação de Marcelo Adnet, no quadro Soy Loco por Copa América. Na esquete, o humorista simulou um protesto do Olodum por estarem há 20 anos participando das transmissões e nunca terem ganho um vinho de presente do narrador.


A vitória só veio nos pênaltis após 0 a 0 no tempo normal. Na semifinal, o Brasil enfrenta Argentina ou Venezuela. O narrador tem um preferido:


“Tomara que seja a Argentina. Para logo despencar um monte para cima da Argentina na próxima terça-feira. É Copa América, é em casa, é diferente, tem mais sabor, mais emoção, mais prazer. Estou doido para pegar a Argentina. Messi não jogou nada até agora? Então, não vai jogar mais mesmo”. 


Galvão está na Globo desde 1981 e participou de todas as coberturas esportivas desde então. Apesar de brincadeiras e imitações, os telespectadores reconhecem que ele é uma referência não só em comunicação como também de amor ao Brasil.


Fonte: PORTAL O FUXICO

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!