fbpx

Imperial e Redemption decidem CBCS pela segunda vez

O The Conquest, segundo slipt da temporada 2020 do Campeonato Brasileiro de Counter-Strike (CBCS), termina nesta quinta-feira (27) com a partida entre Imperial Sportsbet.io e Redemption Neverest, que confirmaram o favoritismo e se enfrentam pela segunda vez na final do campeonato. Desde 2019, quando o CBCS nasceu, a liga já teve quatro finais e em todas eles tivemos pelo menos uma dessas duas equipes no palco.




Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Foto: Lance!

1º split de 2019: Imperial vs Evidence

2º split de 2019: Imperial vs Redemption

1º split de 2020: Redemption vs BOOM

2º split de 2020: Imperial vs Redemption

Com um novo formato, as equipes enfrentaram neste split times que entraram no CBCS por meio Open Qualify, disputa que contou com equipes de todo país que se enfrentam pela plataforma Player 1, e contou com a classificação dos times Havan Liberty, que chegou até a semifinal do CBCS, a e Royal Republic que encerrou sua participação ainda no Open Finals.

Durante a fase classificatória, a Imperial Sportbet.io ocupou a primeira colocação desde o início do The Conquest, com três vitórias em três jogos. Enquanto o time da Redemption Neverest se classificou em sexto lugar. Para chegar até a final, os imperadores, como primeiros colocados da fase regular, tiveram o privilégio de entrar a partir da semifinal, em que venceu a Havan Liberty, que já havia superado a Furia Rivalry e a Evidence. Por sua vez, a Redemption participou das outras etapas e no caminho até a final passou por Royal Republic, Santos e PRG.

Desde a primeira etapa do CBCS as equipes mudaram por algumas vezes seus jogadores mostrando que, apesar dos atletas, a camisa de ambos os times tem pesado na fase final da competição.

A final será às 21h e transmitida ao vivo pelos canais oficiais do CBCS na Twitch e pelo canal de TV por assinatura SporTV 3.

As escalações

Redemption Neverest

Cristopher “ckzao” Chalus

André “skuld” Amaral

Rodrigo “rood” Gomes

Victor “vLa” Luiz

Gustavo “GYZER” Ribeiro

Arthur “prd” Resende (Coach)

Imperial e-Sports

Felipe “Delboni”

Caio “zqk” Fonseca

Gustavo “ShoowTiME” Gonçalves

Lincoln “fnx” Lau

Lucas “Lucas1” Teles

Alan Diego “adr” Riveros (Coach)

Veja também:

Colunista do L! critica a falta de coerência dos dirigentes brasileiros na escolha dos técnicos

Lance!

  • separator

Fonte: Terra

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!