fbpx

Jesus prometeu a Cebolinha. Será seu ‘novo’ Bruno Henrique – Prisma



São Paulo, Brasil


Renato Gaúcho segue revoltado.


Assim como a direção gremista.


Mas Everton Cebolinha, não.


Ele está fascinado.


Encantado em saber que trabalhará com Jorge Jesus.



O português foi o grande responsável pelo jogador ir para o Benfica e virar as costas aos pedidos insistentes de Carlo Ancelotti, o querendo no Everton.


Jesus deixou claro ao falar com Everton que, em Portugal, fará o mesmo trabalho diferenciado que fez com Bruno Henrinque. O treinador português transformou o flamenguista no melhor atacante do futebol brasileiro.


De acordo com a imprensa portuguesa, no famoso telefonema, Jesus insistiu que Everton Cebolinha precisa desenvolver seu lado artilheiro, ser mais objetivo, usar sua velocidade de maneira mais vertical, sem dribles desnecessários na intermediária, longe da área.


O treinador queria o próprio Bruno Henrique, mas o Flamengo se recusou a negociá-lo com o Benfica. A diretoria ficou revoltada com o treinador abandonar o trabalho vitorioso no meio, para voltar a Portugal.


O próprio Bruno Henrique confirma que Jorge Jesus o transformou em outro atleta. Mudou a sua visão de futebol. E a forma de atuar.



Jorge Jesus insistiu com Everton. O Benfica é a porta de entrada do jogador, de 24 anos, para grandes clubes europeus.


Ao contrário do britânico Everton, que disputava a sério o brasileiro, o esquema do time português será ofensivo e buscando a conquista de títulos importantes, como a Champions e a Liga Europa. Fora o Campeonato Português.


E não ficar em posições intermediárias, sem a perspectiva de títulos, como o time de Ancelotti.


Everton Cebolinha ficou entusiasmado com o que ouviu de Jorge Jesus.



O treinador, aliás, não desmentiu ter conversado com o atacante.


Mas jurou, em Lisboa, que não pediu para que não jogasse contra o Internacional, como declarou Renato Gaúcho, seu inimigo declarado.


O jogador também terá um aumento substancial nos seus salários.


De R$ 700 mil, que recebia no Grêmio, passará a ganhar R$ 1,1 milhão a cada 30 dias.  Assinou contrato de cinco anos.


Foi comprado por 20 milhões de euros, cerca de R$ 126 milhões.


Até mesmo Tite torcia para que o jogador fosse atuar no Exterior.


Acredita que Cebolinha precisava desse intercâmbio para se firmar na Seleção Brasileira, como eventual substituto de Neymar, em caso de suspensão ou contusão.


Veja mais: Mal pisou no Rio, o novo técnico do Fla é cobrado.”O Mundial, Dome…”


Everton sabia que iria embora, na noite de quarta-feira.


Daí a sentida despedida.


“Quero agradecer muito a este clube. Creio que se foi meu último jogo eu fecho com chave de ouro, como capitão…”, seguiu, já com tom de despedida e emocionado. “Faltam alguns detalhes, coisas burocráticas, porcentagens”.     


“Saio com a sensação de dever cumprido. Foram oito anos neste clube.


“Tenho uma história aqui.


“Cheguei com 16 anos, ganhei vários títulos”.


“Muita gratidão. Só agradecer a todo o carinho e aprendizado que tive aqui dentro.


“Não nasci gremista, mas ao longo da minha vida aprendia amar o Grêmio.”



Em 273 jogos, marcou 69 gols. E conquistou a Copa do Brasil (2016), Libertadores (2017), Recopa Sul-Americana (2018) e dois Campeonatos Gaúchos (2018 e 2019).


E agora sonha muito mais alto.


Com o mentor que escolheu.


Jorge Jesus…


Curta a página do R7 Esportes no Facebook


Com saída de Dudu, quem se tornou o jogador mais bem pago do Brasil?


Fonte: R7

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!