Jogadores do Figueirense culpam diretoria por WO contra Cuiabá – Esportes



Os jogadores do Figueirense divulgaram uma nota oficial na manhã desta quarta-feira e afirmaram que a diretoria do clube é a única culpada pelo elenco não ter entrado em campo contra o Cuiabá, na última terça-feira, pela Série B do Brasileiro.  Com a ausência, o time de Santa Catarina perdeu por WO. 


Leia mais: WO do Figueirense. Vexame anunciado no Brasil dos ingênuos


“Informamos que os únicos culpados pelo WO são os diretores do clube, que além de não se comprometerem com os contratos assumidos, não abriram nenhum diálogo conosco durante todo esse tempo, não procuraram nenhuma forma de acordo. Apenas queriam que entrássemos em campo em troca de promessas. Promessas que já são descumpridas desde 2017.”



Os atletas responderam a uma nota emitida pelo clube logo após o elenco não ter entrado em campo contra o Cuiabá. A diretoria responsabilizou os jogadores pela ausência na partida.


“O Figueirense Futebol Clube comunica que a decisão de promover o WO é exclusiva dos jogadores profissionais relacionados para o confronto. Vale ressaltar que a comissão técnica se apresentou normalmente para a disputa e o setor de logística do Alvinegro promoveu todos os procedimentos prévios para entrada em campo dos atletas”, divulgou o clube. 


De acordo com os jogadores, eles estão sem receber os direitos de imagem há três meses e o salário de julho ainda não foi depositado. Além dos atletas, os demais funcionários do clube também estão sem remuneração. 


Na nota oficial, o elenco explicou porque decidiu ir para o Mato Grosso, onde seria jogada a partida da segundona. “Havíamos decidido não viajar para Cuiabá se a questão não fosse resolvida até segunda-feira. É importante deixar claro que desde a semana passada até hoje (quarta), ninguém da diretoria executiva nos procurou, nem para nós pagar, nem para ao menos conversar. Houve apenas um contato do Conselho Deliberativo do clube, nos concedendo seu apoio. Mesmo assim, acreditando que haveria ao menos um diálogo, decidimos viajar pra Cuiabá e aguardar que alguém do clube pudesse ao menos nos procurar para conversarmos. Ninguém, mesmo assim, nos procurou.”


O clube vai ser julgado pelo STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) e deve ser denunciado nos artigos 191, por deixar de cumprir o regulamento, e 203, por deixar de disputar partida sem justa causa. Nos dois artigos do CBJD (Código Brasileiro de Justiça Desportiva), a pena pode ser de R$ 100 a R$ 100 mil. Somadas as multas podem chegar a R$ 200 mil. 


Se a diretoria não resolver a questão e os jogadores não entrem em campo novamente, o Figueirense pode ser excluído da Segundona e ser rebaixado automaticamente para a Série C.


Curta a página do R7 Esportes no Facebook.


Confira os 10 jogadores mais valiosos do futebol brasileiro






Fonte: R7

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: