fbpx

Luiz Henrique e Léo sobre 2020: ‘Ano difícil’


Com o avanço da pandemia do novo coronavírus em meados de março e os cancelamentos de eventos e fechamentos de locais públicos, o mercado da música ao vivo sofreu um dos golpes mais duros de sua história. 


A classe artística foi obrigada a pensa de forma criativa e se reinventar. Dentre todos os cenários, um dos que mais se destacaram foi o sertanejo, com lives que deixaram o isolamento social mais leve e divertido. 


Uma das duplas que se destacaram no cenário sertanejo foi Luiz Henrique e Léo. Os amigos de Birigui, já com dez anos de carreira, lançaram em 2020 o EP Fogueira, que já beira os dois milhões de plays nas plataformas de áudio e vídeo.


Luiz Henrique e Léo lançam Na Mesma Vibe


A dupla teve que se reinventar e entrar na onda das lives, que arrecadou milhares de reais, alimentos e EPIs para instituições de todo o Oeste e Noroeste Paulista.


“Foi um ano de reinvenção, um ano difícil, mas conseguimos superar parte dessas barreiras. A gente tinha a gravação de um DVD programada para esse ano, mas por causa da pandemia o projeto acabou virando um audiovisual intimista, que é o Fogueira, que superou as nossas expectativas, só temos que agradecer por tudo”, disseram eles.


Luiz Henrique e Léo estreiam clipe no Multishow



Outras duplas




A dupla Vitor e Cadu também precisou entrar no mercado das lives.


“Nossa primeira live aconteceu no dia 20 de março. Na época não tinha nem nome, ainda. Chamamos de show online e teve a duração de uma hora e meia. Foi a primeira sexta-feira após ser decretado o isolamento no país e nossa ideia era só levar entretenimento para o público mesmo”, disse Vitor. 


Vitor e Cadu gravam DVD em Campo Grande




Mesmo com as expectativas baixas do mercado para o cenário sertanejo, e principalmente para os artistas que estavam em expansão, Vitor e Cadu surpreenderam e tiveram bons números nas plataformas digitais.


Devido ao grande sucesso, eles decidiram agradecer aos fãs que estão cada vez mais presentes com a primeira parte do DVD Case, gravado de forma intimista durante a pandemia.


Vitor & Cadu lançam o clipe da música Recaidazinha



Davi e Thiago, que se uniram neste ano e começaram uma história em meio ao caos do mundo, também viveram dias inesquecíveis.


“Para todas as classes, 2020 foi um ciclo doloroso e que exigiu de nós esforços extras. Precisamos de novas ideias, de nos reinventarmos a todo tempo. Eu e meu irmão nos unimos para iniciarmos uma carreira e fomos surpreendidos, só podemos agradecer, em pouco tempo já são tantas conquistas. Gratidão é a palavra”, afirmou Davi.


Davi e Thiago lançam primeiro single do DVD Essência



Já Fabrício e Henrique divulgaram Pra Quê Namorar, que já ultrapassa a marca de um milhão de acessos no YouTube, comprovando o reconhecimento dos seguidores e a ascensão dos goianos. 


“São muitos cantores, muitos lançamentos, muitas pessoas ligadas nas redes, uma conquista como essa representa pra nós uma vitória, afinal, Pra Quê Namorar? transmite uma mensagem, é uma canção em defesa das mulheres, que por conta do isolamento social, sofrem, ainda mais, com o abuso moral e físico”, afirmou Fabrício.


Agora os músicos estão na expectativa de novidades para 2021 e o retorno das atividades normais de toda a classe artística.


Fabrício e Henrique lançam Pra Quê Namorar com Maiara e Maraísa


(function(d, s, id) {
var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0];
if (d.getElementById(id)) return;
js = d.createElement(s); js.id = id;
js.src = “https://connect.facebook.net/pt_BR/sdk.js#xfbml=1&version=v2.7”;
fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs);
}(document, ‘script’, ‘facebook-jssdk’));

Fonte: O Fuxico

Deixe uma resposta

Jornais Virtuais