fbpx

Lula lamenta 100 mil mortes por Covid-19 e critica Bolsonaro – Brasil

Claudio Reis / FramePhoto / Agência O Globo

Lula criticou Bolsonaro em sua rede social após a marca de 100 mil mortes por Covid-19

Após o Brasil chegar a marca de  100 mil mortes por Covid-19 (Sars Cov 2),
o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva usou seu Twitter para expressar suas críticas ao presidente Jair Bolsonaro e lamentar as vidas que foram perdidas para a doença. “Nesta data trágica em que completamos 100 mil vidas perdidas, em um país com quase 3 milhões de infectados, me pergunto: a quantas mortes estamos dispostos a chegar?”, disse Lula.

O ex-presidente lembrou que as mortes não são apenas números, mas vidas que foram perdidas. “Em 144 dias, o coronavírus levou embora precocemente 100 mil pais, mães, filhos, irmãos, avós. Eram amigos, conhecidos, eram trabalhadores que se viram obrigados a deixar seus lares e lutar pelo pão de cada dia”, afirmou.

Ele também lembrou dos profissionais que da saúde que perderam a vida para a Covid-19. “Eram médicos, enfermeiros, agentes de saúde, motoristas de ambulância, agentes de segurança. Homens e mulheres que dedicaram a própria vida a salvar a de seus companheiros. Eram parte do povo brasileiro”.

Lula ainda fez um apelo à população, para que sigam os protocolos de segurança ao máximo. “Peço ao povo brasileiro, do fundo coração, que se cuidem. Lembrem-se que a vida é o dom mais precioso do ser humano. Usem máscara, lavem as mãos, evitem aglomerações desnecessárias, ajudem aqueles que mais precisam. Cuidem dos seus”.

Críticas à Bolsonaro

O ex-presidente Lula não poupou críticas à gestão de Jair Bolsonaro (sem partido), a quem atribuiu características como “arrogância e prepotência”. “Uma doença que no Brasil foi desprezada por quem deveria cuidar do povo. Pela arrogância e prepotência de um presidente que escolheu chamar um vírus cruel de gripezinha, desafiando a ciência e até a morte, e que carregará na alma a responsabilidade por milhares de vidas”, disse.

E completou: “Se o coronavírus revelou e resgatou a empatia do brasileiro, também mostrou um lado cruel do egoísmo, do desprezo pela vida de nossos mais velhos e vulneráveis. Que sofrem com o medo e o isolamento, abandonados à própria sorte pela desorientação do presidente da República”, disse Lula em sua conta no Twitter.

Fonte: Google News

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!