fbpx

Magazine Luiza compra site Canaltech e Inloco Media apostando em publicidade online

Funcionário do Magalu

SÃO PAULO – O Magazine Luiza anunciou a aquisição do site de conteúdo sobre tecnologia Canaltech e da Inloco Mídia, uma plataforma de mídia online desenvolvida pela startup Inloco.

As aquisições marcam a entrada da empresa na publicidade digital e fazem parte de um movimento para aumentar a audiência e eficácia da ferramenta de anúncios online da varejista, o Magalu Ads.

Enquanto o site foca na produção de conteúdo sobre tecnologia, a aquisição da startup tem o objetivo de ampliar a comercialização de publicidade digital.

Para a empresa, o Canaltech une conteúdo e ofertas que estão diretamente ligadas aos interesses de audiências específicas, o chamado e-commerce content. Na prática, o Magalu conseguiria oferecer ao usuário uma resenha sobre as características de um novo celular e e na mesma página ofertar o aparelho levando o potencial cliente para seu marketplace, por exemplo.

A solução da Inloco deve impulsionar o crescimento do MagaluAds, dando a oportunidade de os vendedores parceiros do marketplace (os chamados de ‘sellers‘) e fornecedores promoverem suas marcas de forma mais “assertiva”, segundo a empresa.

Além disso, a Inloco Media permite que o seller ofereça seus produtos para clientes que estejam próximos da sua região, o que pode gerar uma redução de custos de frete e prazos de entrega.

Assim, a partir de agora, por meio do Magalu Ads, os parceiros da empresa poderão expor seus produtos nos sites do próprio Magazine Luiza, da Netshoes, da Zattini e do Canaltech, por meio dessa estratégia de e-commerce content e de publicidade nativa.

De acordo com estudo da agência americana de publicidade Adyoulike, o mercado global de publicidade nativa deve crescer 372%, entre 2020 e 2025 – passando dos atuais US$ 85,8 bilhões para US$ 402 bilhões.

“A ideia é, com o conteúdo do Canaltech e a tecnologia da Inloco Mídia, monetizar a audiência. A união de e-commerce, conteúdo e publicidade é um negócio em expansão em todo o mundo. Queremos fazer parte dele e, assim, oferecer novos serviços aos nossos sellers. Nossa plataforma tem tudo para ser uma das maiores e mais eficientes do mercado”, diz Frederico Trajano, CEO do Magalu.

As aquisições reforçam o pilar estratégico batizado de “Magalu ao Seu Serviço”, um conjunto de soluções colocadas à disposição dos parceiros com o objetivo de aumentar a digitalização do varejo. A estratégia é desenvolvida em meio à crise que o país enfrenta e que trouxe mudanças de comportamento do consumidor. Com mais tempo em casa, o e-commerce virou protagonista.

Nesse cenário, as empresas que estavam preparadas para fortalecer ou já vinham fortalecendo a operação digital têm perspectivas melhores – e a varejista vem se saindo muito bem.

A empresa sinalizou uma retomada em maio quando viu sua operação digital crescer mais de 200%. Os resultados do segundo trimestre serão divulgados no dia 13 de agosto.

Newsletter InfoMoney
Informações, análises e recomendações que valem dinheiro, todos os dias no seu email:

Fonte: Infomoney

Deixe uma resposta

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!