fbpx

Mar muito perigoso e ressaca de Florianópolis ao Rio de Janeiro

 Foto: Ubatuba/Praia Grande (SP), por Augusto Pegorim Ayres

#fotografeotempo e mostre para nós como está o tempo na sua cidade. Mande sua foto para nós!

A tempestade subtropical Potira, que se organizou na costa da Região Sudeste, perto de São Paulo e do Rio de Janeiro, vem provocando fortes ventos sobre o oceano nas últimas 48 horas, o que deixou o mar muito agitado. O feriado de Tiradentes, em 21 de abril, foi marcado por forte agitação marítima, mar revolto e com grandes ondas chegando a alguns locais do litoral do Rio de Janeiro e de São Paulo. Mesmo muito perigoso, o paredão das grandes ondas fez a alegria dos surfistas. 

Além da agitação marítima, áreas de instabilidade se formaram entre o litoral do Rio de Janeiro e do norte do Rio Grande do Sul provocando chuva persistente, com acumulados elevados em poucas horas.

Agitação marítima em Niterói (RJ), em 21/4/2021

Agitação marítima em Ubatuba/Praia Grande (SP), em 21/4/2021

Mar muito perigoso e ressaca de Florianópolis ao Rio de Janeiro

Nesta quinta-feira, 22 de abril, as condições do mar continuam perigosas para a navegação, banhistas e esportistas. A agitação no mar ainda será intensa e há risco de ressaca.

O mar segue muito agitado de Florianópolis até a região dos Lagos (RJ), mas nas outras áreas do litoral de Santa Catarina, do Rio Grande do Sul, no litoral norte do Rio de Janeiro e no litoral do Espírito Santo, o mar também fica agitado e impróprio para a navegação e banhistas.

As maiores ondas e o maior risco de ressaca são para região entre Santos (SP) e a cidade do Rio de Janeiro (RJ)

Confira a previsão para a altura das ondas nesta quinta-feira, 22 de abril

  • Rio de Janeiro, incluindo a cidade do Rio: ondas de 3,5 metros
  • São Paulo (maiores ondas no litoral norte): 2,0 a 3,0 metros
  • Espírito Santo: ondas de até 2,0 metros no litoral sul capixaba e de até 1,5 metros        nas demais áreas.
  • Paraná: ondas em torno de 2,0 metros
  • Santa Catarina: ondas entre 2,5 e 3,0 metros
  • Rio Grande do Sul: ondas em torno de 2,5 metros

Atenção para forte agitação do mar na baía da Guanabara

A agitação marítima desta quinta-feira,22, terá ondulação predominante das direções de sudeste/leste. Estas direções favorecem a entrada de ondas grandes pela baía da Guanabara, o que não é frequente. 

Ondas na sexta-feira, 23 de abril

Para a sexta-feira, 23 de abril, a previsão é de que as ondas comecem a diminuir no litoral do Espírito Santo, do Rio de Janeiro e no litoral norte de São Paulo, mas continuem altas, e até aumentem um pouco em relação à quinta-feira, no litoral sul de São Paulo, no Paraná, no litoral catarinense e gaúcho. Nestas áreas, as ondas podem alcançar alturas de 2,0 a 2,5 metros na sexta, 23, com risco de ressaca.

No sábado, 24, a agitação marítima diminui muito no Sul e no Sudeste e não há mais expectativa de ressaca.

Fonte: Terra

Deixe uma resposta

Jornais Virtuais