fbpx

Mara Maravilha foi presença VIP em loja de São Paulo


Na tarde do último sábado (1°), Mara Maravilha foi presença VIP em uma loja no centro de Osasco, em São Paulo.


De máscara, a cantora e apresentadora disse no evento que gostaria de ter um programa da loja só seu e aceitou tirar uma foto com o filho Benjamin e o marido Gabriel.


Mara Maravilha escolheu um look bastante casual, mas não menos estilo: um vestido preto cheio de bolinhas brancas espalhados pela peça.


Lembrando que ela aceitou tirar fotos desde que o rosto do filho não fosse mostrado, explicando que é por conta de uma questão judicial.


Mara Maravilha foi à loja em Osasco junto do marido e do filho


Mara Maravilha se casa com noivo em Festa Junina solidária

Esquenta A Fazenda: relembre alguns dos melhores momentos


Mara Maravilha pretende adotar mais uma criança


 


Em quarentena em sua casa, em São Paulo, Mara Maravilha participou de uma transmissão ao vivo com a Marie Claire, e falou sobre sua vida neste período de isolamento social, por conta da pandemia do coronavirus.


“Tenho aproveitado esse tempo para cuidar de mim, dar atenção a minha alimentação e saúde. Mas não é tudo uma maravilha, eu fico atenta aos problemas que as pessoas estão enfrentando e me adaptando para respeitar ao próximo”, disse.


Otimista, a apresentadora destacou que acredita que haverá dias melhores. Na live, Mara destacou ainda sua felicidade com a chegada de Benjamim, que adotou com o noivo, Gabriel Torres.


“O Gabriel é um superpai, ele tem 31 anos e tem muita disposição, a idade faz diferença. Estamos felizes demais com a chegada do Benjamin, toda a nossa família. E isso faz parte do fortalecimento da educação dele, não quero que ele seja egocêntrico, ‘filho da Mara Maravilha’. E eu nunca amei tanto e fui tão feliz na minha vida”, disse. 


Ela destacou que a diferença de idade entre eles não interfere em nada.


“Eu não me importo com o que as pessoas pensam. Eu pago minhas contas, tenho meu nome limpo, tenho uma história que, gostam ou não, tem que respeitar. Ele se incomoda com os comentários, inclusive, com os o chamam de homossexual. Mas eu não ligo. Só que tem uma diferença, ele tem mais disposição, quer passear mais, mas ele tem cedido para se adaptar ao meu ritmo. Estamos bem e nos respeitados acima de tudo. Eu falo pra ele: ‘Se você me trocar, que seja por alguém que eu admire, pois temos um filho’. Mas eu me garanto, tenho um melzinho”, falou aos risos.

(function(d, s, id) {
var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0];
if (d.getElementById(id)) return;
js = d.createElement(s); js.id = id;
js.src = “https://connect.facebook.net/pt_BR/sdk.js#xfbml=1&version=v2.7”;
fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs);
}(document, ‘script’, ‘facebook-jssdk’));

Fonte: O Fuxico

Deixe uma resposta

Jornais Virtuais