fbpx

MG: pai é preso por vender conteúdo impróprio de filha de seis anos – Brasil

Freepik/divulgação

Pai é preso suspeito de vender conteúdo impróprio da filha de seis anos

Em uma ação conjunta da Polícia Civil de Minas Gerais em apoio à Polícia Civil de Goiás, um homem, de 39 anos, foi preso por suspeita de pornografia infantil
. Ele estaria disponibilizando conteúdo impróprios de sua filha de seis anos. As informações foram apuradas pela BHAZ. 

Segundo a Sabrina Leves de Lima, delegada titular da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Cibernéticos da Polícia de Goiás, as investigações
tiveram início a partir de uma denúncia feita por uma testemunha de que o homem estaria divulgando imagens de uma criança nua em um aplicativo. 

Ainda de acordo com as busca, ele estaria vendendo
conteúdo da criança. Quem mostrasse interesse, pagava uma quantia em criptomoedas, que depois poderiam ser convertidas para real e após o pagamento, vídeos eram enviados para os consumidores de conteúdo impróprio

Após apuração da polícia de Goiás, as autoridades de Minas Gerais atuaram na parte jurídica do caso e na prisão do acusado. “Questionado sobre os fatos, o pai da criança confessou a autoria dos vídeos. Ao final do inquérito, ele poderá ser indiciado pelos crimes de estupro de vulnerável e satisfação de lascívia mediante presença de criança”, disse Douglas Barcelos, delegado da Delegacia Regional em Pará de Minas. 

Foi constatado que o homem morava com a criança em uma cidade no interior de Minas Gerais
e os dois aparentam ter um relacionamento próximo. Um telefone e um caderno da vítima foram apreendidos. As apurações tiveram participação da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Cibernéticos da Polícia Civil de Goiás, em colaboração com a Polícia mineira em Pará de Minas e Pitangui. 

Fonte: Google News

Deixe uma resposta

Jornais Virtuais